Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6779
Title in Portuguese: Efeito da remoção de colágeno na resistência de união de cimentos resinosos à dentina
Title: Effect of dentin deproteinization on bond strength of resin cements to dentin
Author: Souza, Lidiane Costa de
Advisor(s): Saboia, Vicente de Paulo Aragão
Keywords: Colágeno
Hipoclorito de Sódio
Cimentos Dentários
Issue Date: 2013
Citation: SOUZA, Lidiane Costa de. Efeito da remoção de colágeno na resistência de união de cimentos resinosos à dentina. 2013. 42 f. Dissertação (Mestrado em Odontologia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Farmácia, Odontologia e Enfermagem, Fortaleza, 2013.
Abstract in Portuguese: Introdução: Os cimentos resinosos autoadesivos foram introduzidos no mercado a fim de reduzir os passos clínicos e, assim, diminuir o tempo e a sensibilidade operatória. Apesar de o conceito de aplicação única ser bastante atrativo, alguns estudos mostram limitações desses materiais no que se diz respeito ao potencial de desmineralização e interação superficial com a dentina. Objetivo: Avaliar o efeito da remoção de colágeno dentináro com NaOCl a 5% na resistência de união da interface formada entre cimentos resinosos e a dentina. Metodologia: Trinta e dois terceiros molares recém- -extraídos tiveram a dentina coronária exposta, as raízes removidas e foram divididos aleatoriamente em quatro grupos de acordo com o tipo de cimento (convencional ou autoadesivo) e com a estratégia de cimentação utilizada (manutenção ou remoção de colágeno da dentina): RelyX ARC/Single Bond 2 aplicado de acordo com a recomendações do fabricante - controle (RAc); RelyX ARC/Single Bond 2 aplicado após a remoção de colágeno (RAd); RelyX U200 aplicado de acordo com a recomendações do fabricante - controle (RUc); RelyX U200 aplicado após a remoção de colágeno (RUd). Blocos de resina compostas foram cimentados sobre a superfície dentinária e os espécimes foram seccionados para o teste de microtração. Os palitos de cada grupo foram subdivididos em dois subgrupos: teste imediato e teste após 20.000 ciclos térmicos. Resultado: O teste Anova mostrou que a remoção de colágeno aumentou os valores de resistência de união para ambos os cimentos, embora, para o grupo RAd, houve um decréscimo nos valores de resistência de união para os palitos termociclados. O teste qui-quadrado mostrou um significante aumento de falhas prematuras para os grupos, exceto para o grupo RUd. Conclusão: A remoção de colágeno melhorou a resistência de união imediata para os materiais testados, mas só ocorreu preservação desta união, após termociclagem, quando o RelyX U200 foi utilizado.
Abstract: Introduction: The self-adhesive resin cements have been introduced to the market in order to reduce the clinical steps and, thus, reducing the operative time and sensitivity. Although the concept of one-step applying be very attractive, some studies show limitations of resin cements concerning the potential of demineralization and superficial interaction with the dentin. Objective: To evaluate the effect of removing dentin collagen with 5% NaOCl on the bond strength of resin cements/dentin interface. Methods: Thirty-two freshly extracted third molars were sliced to expose sound dentin, to remove the roots and were randomly divided into four groups according to the type of cement used (conventional or self-adhesive) and strategy of cementing used: RelyX ARC/Single Bond 2 applied following the manufacturer´s instructions – control (RAc), RelyX ARC/Single Bond 2 applied on deproteinized dentin (RAd); RelyX U200 applied following the manufacturer´s instructions – control (RUc); RelyX U200 applied on deproteinized dentin (RUd). Blocks of composite resin were cemented on dentin surface and the specimens were prepared for microtensile bond test. The sticks of each group were subdivided into two subgroups: immediate test and test after 20,000 thermal cycles. Results: Three-way Anova showed that collagen removal increased the bond strength values for both cements, although the RAd group showed a decrease in the bond strength values after thermocycling. Chi-square test showed significant increase of premature failures for the groups, except for the group of RUd. Conclusion: The collagen removal improved the immediate bond strength for both cements tested, but, after thermocycling, this union was preserved only in the RelyX U200 group.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6779
Appears in Collections:DCOD - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013_dis_lcsouza.pdf482,49 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.