Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6803
Title in Portuguese: Um estudo sobre o comprometimento vocacional na construção das trajetórias de carreira de gestores e docentes do Ensino Superior
Title: A study on the vocational commitment in building the career paths of managers and teachers of higher educacion
Author: Alencar, Olivia Lima Guerreiro de
Advisor(s): Tupinambá, Antonio Caubi Ribeiro
Keywords: Commitment to the career. Teaching. Management. Vocation. Profession
Orientação profissional
Interesse profissional
Profissões
Professores universitários
Issue Date: 2012
Publisher: www.teses.ufc.br
Citation: Alencar, O. L. G.; Tupinambá, A. C. R. (2012)
Abstract in Portuguese: Na atual pesquisa, consideramos a vocação como uma dimensão do comprometimento com a carreira e aprofundamos a compreensão sobre sua representatividade na construção das trajetórias de vida de trabalho. Busca-se conhecer como os sujeitos comprometidos vocacionalmente constroem suas carreiras na atualidade. O eixo conceitual adotado advém da Psicologia vocacional de Donald Super e da concepção de “carreira proteana” de Douglas Tim Hall, cujos conceitos apontam para uma perspectiva contextual-desenvolvimentista de construção das carreiras. Foi adotada uma abordagem qualitativa e quantitativa dos dados com a aplicação da escala de comprometimento e entrincheiramento na amostra constituída por 34 sujeitos, de ambos os sexos, todos oriundos de uma instituição de ensino superior, onde exercem atividades de docência e gestão. Os sujeitos com maiores pontuações na escala de comprometimento com a carreira foram entrevistados individualmente e os dados obtidos submetidos à análise de conteúdo. As dimensões psicológicas consideradas foram: autoconceito vocacional, planejamento de carreira, significado do trabalho, influências sociais, escolha da profissão e identificação com o trabalho atual. Os resultados apontam para uma relação significativa entre relações familiares, autoconceito vocacional e planejamento de carreira nos sujeitos comprometidos vocacionalmente. A carreira como uma vocação parece ter sido vivenciada e conhecida no contexto do convívio íntimo da família, onde se desenvolveram as primeiras bases do autoconceito e das decisões vocacionais. As famílias demonstraram traços comuns no relacionamento entre pais e filhos: a autonomia para a decisão vocacional pretendida, o apoio para realizá-la e a valorização do trabalho como um dos principais meios de se obter satisfação na vida. Constatou-se que os sujeitos comprometidos vocacionalmente receberam referenciais do modelo de carreira proteana, através das figuras parentais com as quais se identificaram. Uma das dimensões mais relevantes encontradas nos sujeitos desta pesquisa refere-se à gestão da carreira: são autodirigidos e suas decisões são norteadas pelo autoconceito vocacional, que lhes dá um sentido claro e significativo de orientação para a vida do trabalho. A perspectiva do comprometimento vocacional com a carreira é discutida, em termos teóricos e práticos, como uma proposta de tipo de carreira proteana a partir dos resultados encontrados.
Abstract: In this research, we consider vocation as a dimension of career commitment and we deepen the understanding of its representation in the construction of the trajectories of professional life. We seek to know how vocationally committed individuals build their careers nowadays. The conceptual framework comes from Donald Super’s vocational psychology and from the concept of "protean career" by Douglas Tim Hall, whose concepts point to a developmental-contextual perspective of the career construction. We adopted a qualitative and quantitative data treatment with the application of the scale of commitment and entrenchment in a sample of 34 individuals of both sexes, from a high education institution, both teachers and/or managers. Individuals with higher scores in the range of career commitment were interviewed individually and the data subjected to content analysis. The following psychological dimensions were considered: self-concept of vocation, career planning, meaning of work, social influences, choice of profession and identification with the current job. The results indicate a significant relationship between family relationships, self concept, career planning among the vocationally committed individuals. A career as a vocation seems to have been experienced and known in the context of an intimate family circle, where the individual developed the first elements of self-concept and vocational decisions. The families showed common traits in the relationship between parents and children: autonomy for vocational decision, the support to do it and valuing the work as a major means of obtaining satisfaction in life. It was found that the subject vocationally involved received references of a protean career model through his family figures with which they identified themselves. One of the most relevant dimensions found in the subjects of this research relates to career management: they are autonomous and their decisions are guided by vocational self-concept that gives them a clear and significative sense of orientation to the working life. The perspective of the vocational commitment with the career is discussed both in a theoretic and in a practical basis as a proposed type of protean career based on the colected informations.
Description: ALENCAR, Olivia Lima Guerreiro de. Um estudo sobre o comprometimento vocacional na construção das trajetórias de carreira de gestores e docentes do Ensino Superior. 2012. 94f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Psicologia, Fortaleza (CE), 2012.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6803
Appears in Collections:PPGP - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2012-DIS-OLGALENCAR.pdf1,02 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.