Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6831
Título: Os manuscritos de Antônio Conselheiro: culpa e identificação na religião do filho. (Uma resposta à Igreja e ao Estado)
Autor(es): MARTINS, Osvaldo Costa
Orientador(es): BARROCAS, Ricardo Lincoln Laranjeira
Palavras-chave: Religion of the Son
Psychoanalysis
Manuscritos de Antônio Conselheiro
Religião do filho
Psicanálise
Identificação
Data do documento: 2012
Editor: www.teses.ufc.br
Citação: MARTINS, O. C.; BARROCAS, R. L. L. (2012)
Resumo: Trata-se de uma leitura psicanalítica dos dois Manuscritos de Antônio Conselheiro. Supusemos em relação a estes, dois pontos: (1) suas prédicas revelam culpa e identificação naquilo que Freud chamou de Religião do Filho. Considerado legítimo no período do Império, com o advento da Romanização e da República, Antônio Conselheiro passou progressivamente a ser visto como inimigo da Igreja e do Estado; (2) os Manuscritos expressariam também uma resposta a esta nova condição: por meio de uma intensificação de sua fé, Antônio Conselheiro se legitima pela renúncia ao desejo, o sacrifício de si e aquilo que Freud chamou de reconciliação do filho com o Pai.
Descrição: MARTINS, Osvaldo Costa. Os manuscritos de Antônio Conselheiro: culpa e identificação na religião do filho. (Uma resposta à Igreja e ao Estado). 2012. 103f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Psicologia, Fortaleza (CE), 2012.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6831
Aparece nas coleções:PPGP - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012-DIS-OCMARTINS.pdf834,01 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.