Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6851
Title in Portuguese: Abordagem farmacológica e terapêutica da Lepidium meyenii Walp. (MACA) : uma revisão de literatura
Title: Pharmacological and therapeutic aproach of Lepidium meyenii WALP. (MACA): literature review
Author: Oliveira, Jonaina Costa de
Advisor(s): Moraes, Maria Elisabete Amaral de
Keywords: Ensaio Clínico
Lepidium
Medicamentos Fitoterápicos
Issue Date: 2011
Citation: OLIVEIRA, J. C. de. Abordagem farmacológica e terapêutica da Lepidium meyenii Walp. (MACA) : uma revisão de literatura. 114 f. 2011. Dissertação (Mestrado em Farmacologia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2011.
Abstract in Portuguese: A utilização de plantas medicinais e fitoterápicos para a recuperação da saúde é uma prática bastante difundida que foi sedimentando-se ao longo do tempo, sendo o resultado do acúmulo secular de conhecimentos empíricos sobre a ação das plantas por diversos grupos étnicos. Faz-se necessário o estabelecimento de um corpo de evidências sobre o perfil de segurança dos fitoterápicos para a redução dos riscos à saúde do paciente. É de fundamental importância a aplicação de ferramentas que permitam uma avaliação crítica e racional dos estudos pré-clínicos e ensaios clínicos sobre eficácia e segurança das plantas medicinais e fitoterápicos. Esta pesquisa trata-se de uma revisão de literatura envolvendo a Lepidium meyenii Walp. (Maca), uma planta utilizada na medicina tradicional em diversas condições patológicas e disfunções orgânicas. Trata-se de uma revisão narrativa-discursiva. A planta Lepidium meyenii é nativa na Região dos Andes, no Peru, mas pode ser encontrada na Bolívia, Colômbia, Chile e Argentina. Na medicina tradicional peruana a Lepidium meyenii é utilizada para aumentar a vitalidade, no stress, para promover a libido, aumentar a fertilidade e o desempenho sexual em homens e mulheres. Alguns estudos sugerem que metabólitos secundários encontrados em extratos desta planta são responsáveis por seus efeitos fisiológicos (macamidas e macaenos). Os estudos toxicológicos realizados com a Lepidium meyenii evidenciaram sua baixa toxicidade por via oral em animais e baixa toxicidade celular in vitro. Diversos estudos pré-clínicos têm sido realizados para avaliar ações terapêuticas associadas ao uso da Maca, onde podemos citar: ação antioxidante, ação hipolipemiante, aumento da fertilidade, aumento do desempenho sexual, ação espermatogênica e efeito antihiperplásico na próstata. A Lepidium meyenii (Maca) tem sido amplamente utilizada na medicina tradicional no aumento da vitalidade, no estresse, na promoção da libido, no aumento da fertilidade e da performance sexual em homens e mulheres. No sexo masculino constatou-se que a Maca aumenta o desejo sexual, a produção de espermatozóides e melhora a disfunção erétil de intensidade leve. No sexo feminino observou-se uma redução dos sintomas de desconforto da menopausa, assim como melhora da disfunção sexual associada ao climatério. Pode-se concluir, após análise da literatura científica, dos dados etnofarmacológicos e dos ensaios pré-clínicos e clínicos realizados, que a Lepidium meyenii (Maca) pode ser indicada na melhora do desejo (libido) e desempenho sexual e é segura na dose de 1,5 g/dia a 3 g/dia.
Abstract: The use of medicinal plants and herbal remedies for the recovery of health is a widespread practice that was cobbled up over time, being the result of the secular accumulation of empirical knowledge about the action of plants by different ethnic groups. It is necessary to establish evidences on the safety profile of herbal medicine to reduce risks to patient health. The application of tools that allow a critical evaluation and rational use of preclinical studies and clinical trials on efficacy and safety of medicinal plants and herbal medicines is very important. This research is a review of studies involving Lepidium meyenii Walp. (Maca), a plant used in traditional medicine in various pathological conditions and organ dysfunction. This is a narrative discursive review. Lepidium meyenii is native to the region of the Andes in Peru, but can be found in Bolivia, Colombia, Chile and Argentina. In the Peruvian traditional medicine Lepidium meyenii is used to increase vitality, stress, to promote libido, increase fertility and sexual performance in men and women. Some studies suggest that secondary metabolites found in extracts of this plant are responsible for their physiological effects (macamides and macaenes). Toxicology studies conducted with Lepidium meyenii showed its low oral toxicity in animals and low toxicity in vitro. Several preclinical studies have been conducted to evaluate therapeutic actions associated with the use of Maca, which include: antioxidant, lipid-lowering effects, fertility enhancement, increased sexual performance, spermatogenic effect and action on anti hyperplasia of the prostate. The Lepidium meyenii (Maca) has been widely used in traditional medicine in increased vitality, in stress, promoting libido, increased fertility and sexual performance in men and women. In males it was found that Maca increases sexual desire, sperm production and improves mild erectile dysfunction. In females, Maca showed a reduction in symptoms of menopause and improvement of sexual dysfunction associated with menopause. It can be concluded after a review of the scientific literature, ethnopharmacological data and pre-clinical and clinical studies, that Lepidium meyenii (Maca) may be indicated in the improvement of desire (libido) and sexual performance, and is safe in the dose of 1.5 g/day to 3 g/day.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6851
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGF - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2011_dis_jcoliveira.pdf1,35 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.