Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6892
Title in Portuguese: Estudo da expressão imunohistoquímica de linfócitos T-REG em pacientes com formas polares de hanseníase e reações hansênicas
Title: Expression of regulatory t cells in polar leprosy and leprosy reactions
Author: Rezende, Daniela Ventin Prates
Advisor(s): Valença Júnior , José Telmo
Keywords: Hanseníase
Linfócitos T Reguladores
Imunoistoquímica
Issue Date: 2013
Citation: REZENDE, D. V. P. Estudo da expressão imunohistoquímica de linfócitos T-REG em pacientes com formas polares de hanseníase e reações hansênicas. 2013. 75 f. Dissertação (Mestrado em Patologia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2013.
Abstract in Portuguese: A hanseníase é uma doença infecciosa crônica causada pelo Mycobacterium leprae e apresenta uma grande variedade de manifestações clínicas que dependem da resposta imunológica do hospedeiro. Em um polo está a forma tuberculoide, na qual os pacientes apresentam uma resposta imunológica Th1 celular contra o bacilo, com formação de granulomas bem delimitados com doença localizada. No outro polo temos a forma virchowiana caracterizada pela ausência de imunidade celular específica ao Mycobacterium leprae, com padrão de resposta imunológica Th2, com macrófagos repletos de bacilos, mas com poucos linfócitos, sem formação de granulomas e com disseminação da doença. Além dos linfócitos Th1 e Th2, outra população de linfócitos T foi descrita recentemente. Os linfócitos T regulatórios desempenham um papel imunossupressor na atividade de outros linfócitos e de outras células inflamatórias e parecem participar da modulação da resposta imunológica em infecções crônicas em seres humanos e da autotolerância. Neste trabalho, foram analisadas 35 biópsias cutâneas de lesão de pacientes portadores de diferentes formas de hanseníase quanto à expressão dos marcadores celulares CD4, CD8 e FoxP3 por imunohistoquímica. Enquanto a expressão do CD4 foi maior nos pacientes portadores da forma tuberculoide da hanseníase, a expressão do CD8 mostrou-se maior nos portadores de hanseníase virchowiana. Quanto à expressão do FoxP3, esta foi maior nos portadores da forma virchowiana da hanseníase e da reação hansênica tipo 1 em relação aos indivíduos sadios. Parece que, assim como já demonstrado em outras doenças infecciosas granulomatosas, os linfócitos Treg participam da imunopatologia da hanseníase. Entretanto, estudos com maior número de pacientes são necessários, para um melhor entendimento da relação entre a presença desses linfócitos e a forma clínica da doença.
Abstract: Leprosy is a chronic infectious disease caused by Mycobacterium leprae and presents a wide range of clinical manifestations, depending on the host immune response. At the tuberculoid pole, patients have an effective Th1 cellular immune response against bacillus, with well-demarcated granulomas, which limits the disease, while the lepromatous pole is characterized by the absence of specific cellular immunity against Mycobacterium leprae, with a Th2 immune response, uncontrolled proliferation of leprosy bacilli and a spread disease. In addition to Th1 and Th2 lymphocytes, recently other subset of T cells has been described. T regulatory lymphocytes play an immunosuppressive role in the activity of other cells and seem to participate in modulating the immune response in human chronic infections and self-tolerance. We performed immunohistochemical study on skin biopsies of 35 patients with different forms of leprosy using anti-CD4, anti-CD8 and anti-FoxP3 antibodies. There was an increased CD4 expression in tuberculoid patients and an increased CD8 expression in lepromatous patients. The FoxP3 expression was higher in lepromatous and reversal leprosy reaction patients. As previously demonstrated in other granulomatous infections, T regulatory cells may play a role in the immunopathology of leprosy. However, studies with larger series of patients are required to further elucidate the relationship between the presence of these cells and the clinical form of the disease.
Description: REZENDE, Daniela Ventin Prates.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6892
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DPML - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013_dis_dvprezende.pdf2,19 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.