Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6947
Title in Portuguese: Estudo epidemiológico do primeiro surto de melioidose no Brasil
Title: Epidemiological study of the first outbreak of melioidosis in Brazil
Author: Rolim, Dionne Bezerra
Advisor(s): Mello, Márcia Gomide da Silva
Co-advisor(s): Rodrigues, Jorge Luiz Nobre
Keywords: Melioidose
Prevenção de Doenças
Transmissão de Doença Infecciosa
Issue Date: 2004
Citation: ROLIM, D. B. Estudo epidemiológico do primeiro surto de melioidose do Brasil. 2004. 82 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2004.
Abstract in Portuguese: O primeiro surto de melioidose no Brasil ocorreu quando quatro adolescentes apresentaram forma grave da doença, com pneumonia e sepse, numa pequena comunidade rural do Nordeste do Brasil, em fevereiro de 2003. Burkolderia pseudomallei foi identificada, em cultura de sangue em um caso, inicialmente por métodos convencionais e confirmado por amplificação de ácido nucléico (PCR). O diagnóstico foi presumível nos outros três casos. A investigação epidemiológica preliminar identificou os possíveis fatores contribuintes: início dos sintomas durante período chuvoso,exposição dos casos a solo e água em atividades de lazer, presença de barragem de um rio próximo ao domicílio, área ao redor do domicílio exposta a grande chuva dois dias antes dos sintomas e casa com piso de terra. O fato das crianças adoecerem no mesmo dia aponta para uma possível exposição comum e simultânea. A barragem foi identificada como o local mais provável da contaminação e o mecanismo de transmissão possivelmente pode ter ocorrido por aspiração, inalação ou ingestão de água da barragem. O recente surto levanta o questionamento sobre a existência da doença no Brasil e mostra a necessidade de estudo ambiental detalhado para compreender sua ocorrência.
Abstract: The first melioidosis outbreak in Brazil happened when four adolescents presented a severe case of the disease, with pneumonia and sepsis, in a small rural community in the Northeast of Brazil, in February 2003. Burkolderia pseudomallei were identified through blood culture in one case, firstly using conventional methods and then confirmed by PCR. The diagnosis was presumptive in the other three cases. The preliminary epidemiological investigation identified the possible contributing factors: onset of the symptoms during the rainy season, exposure of the cases to the soil and water in leisure activities, presence of a river dam close to the residence, the area around the house had been exposed to heavy rain two days before the symptoms, and the house had dirt floor. The fact that the children got sick on the same day, points to a possible common and simultaneous exposure. The dam was identified as the most probable place of contamination, and the transmission mechanism might have happened through aspiration, inhalation or ingestion of water from the dam. The recent outbreak rises the important questioning about the existence of the disease in Brazil, and shows the need of a detailed environmental study to understand its occurrence.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6947
Appears in Collections:DSC - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2004_dis_dbrolim.pdf1,21 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.