Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6968
Título: Prevalência da maloclusão e necessidade de tratamento ortodôntico em adolescentes de uma escola pública da cidade de Fortaleza
Título em inglês: Prevalence of malocclusion and orthodontic treatment need in adolescents of a public school of Fortaleza
Autor(es): Ribeiro, Isabel Maria Magalhães Pinto
Orientador(es): Lima , José Wellington de Oliveira
Palavras-chave: Má Oclusão
Índice de Necessidade de Tratamento Ortodôntico
Data do documento: 2004
Citação: RIBEIRO, I. M. M. P. (2004)
Resumo: O objetivo do presente estudo foi estimar a prevalência da maloclusão e a necessidade de tratamento ortodôntico em adolescentes de Fortaleza e graduá-la de acordo com sua severidade, a fim de estabelecer prioridades para o tratamento ortodôntico e determinar quais os componentes da maloclusão que mais pesavam na determinação desta circunstância. Investigou-se ainda a associação da maloclusão com idade, gênero, renda e escolaridade. A amostra consistiu de 419 adolescentes entre 14 e 19 anos de idade, selecionados aleatoriamente a partir de uma população de estudantes de uma escola pública. Os critérios de graduação da maloclusão e a avaliação da necessidade de tratamento ortodôntico dos sujeitos foram estabelecidos por um consenso de ortodontistas de Fortaleza. Os resultados mostraram que 95,4% dos sujeitos eram portadores de algum tipo de maloclusão, sendo que 60,6% do total possuia maloclusão grave com necessidade obrigatória de tratamento e 34,8% tinham-na moderada, com necessidade relativa de tratamento. Os fatores de maior interferência no estabelecimento da maloclusão grave foram a relação de molar maior do que meia cúspide (30,3%), a mordida cruzada (25,7%) e a relação de canino maior do que meia cúspide (22,2%). Não houve associação da maloclusão com as variáveis sociodemográficas, a não ser especificamente da idade com o componente mordida cruzada (p<0,05), do gênero com o componente relação de canino maior do que um meio (p<0,05) e da escolaridade da mãe com o componente relação de molar maior do que um meio (p<0,05).
Abstract: The aim of the present study was to estimate the prevalence of malocclusion and orthodontic treatment need in adolescents of a public school of Fortaleza and grade it according to the severity, to establish priorities in the orthodontic treatment and to determine which components of malocclusion had higher importance in deterrminating malocclusion. Also, were investigated the association between malocclusion and age, gender, income and scholarship. A total of 419 teenagers, between 14 and 19 years old, selected randomly from a population of students of a public school were enrolled in this project. The criteria of graduation and the assessment of malocclusion components were established by a joint of Fortaleza’s orthodontists. The results show that 95,4% of the subjects had some malocclusion, 60,6% of the total had serious malocclusion with compulsory need of orthodontic treatment, and 34,84% had moderate and relative need of treatment. The components with more prevalence, were the molar relation higher than half cusp (30,3%), crossbite (25,7%) and the canine relation higher than a half cusp (22,2%). There wasn’t association between malocclusion and social demographic variables except the relation between age and cross bite (p<0,05), gender and canine relation higher than half a cusp (p<0,05) and mother’s degree of education and molar relation higher than half a cusp (p<0,05).
Descrição: RIBEIRO, Isabel Maria Magalhães Pinto. Prevalência da maloclusão e necessidade de tratamento ortodôntico em adolescentes de uma escola pública da cidade de Fortaleza. 2004. 110 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2004.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/6968
Aparece nas coleções:DSC - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2004_dis_immpribeiro.pdf2,14 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.