Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7048
Título: Doença meningocócica em Fortaleza, de 1986 a 1998 : fatores associados à sua evolução
Título em inglês: Meningococcal disease in Fortaleza, 1986-1998 : factors associated with its evolution
Autor(es): Mota, Maria de Fátima Fonseca
Orientador(es): Leitão, Terezinha do Menino Jesus Silva
Palavras-chave: Meningites Bacterianas
Meningite
Data do documento: 1999
Citação: MOTA, M. F. F. (1999)
Resumo: Os aspectos epidemiológicos da Doença Meningocócica no tempo (ano e mês) e espaço (fatores ambientais) foram investigados de 1986 a 1998 em Fortaleza–Ceará-Brasil. As informações foram obtidas de bancos de dados do Estado e Município e de prontuários médicos. Na construção do diagrama de controle, o método dos quartis foi comparado ao do desvio padrão, o primeiro detectou o início de uma epidemia mais precocemente. Os meses de março, abril e maio registraram os maiores números de casos, como também, as maiores médias mensais de precipitação, umidade relativa do ar e as menores médias mensais de evaporação. Observou-se que os casos da doença meningocócica ocorreram semanas após o aumento da precipitação (500mm/mês); da umidade relativa do ar (>80%); da redução da insolação (<200horas/mês); e da evaporação (<50mm/mês), sugerindo que essas variáveis poderiam influenciar no comportamento da Doença Meningocóccica em Fortaleza.
Abstract: The epidemiological aspects of the Meningococcal Disease in Fortaleza, State do Ceará, Brazil, from 1986 to 1998, related to time and environmental factors were studied. The information was obtained from the Municipal and State Secretaries of Health data bank and also from patient records. The quartile method detected an epidemic sooner than the standard deviation. The months of March, April and May registered the largest number of cases, as well as the highest monthly averages of rain precipitation and relative humidity and the smallest monthly averages of evaporation. In Fortaleza, the cases of Meningococcal Disease occurred weeks after the increase in precipitation (500mm/mo) in relative humidity (>80%), the reduction of insulation (<200horas/mo) and evaporation (<50mm/mo); suggesting that those variables can influence the behavior of MD in Fortaleza.
Descrição: MOTA, Maria de Fatima Fonseca. Doença meningocócica em Fortaleza de 1986 a 1998 : fatores associados a sua evolução. 1999. 110 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 1999.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7048
Aparece nas coleções:DSC - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
1999_dis_mffmota.pdf3,35 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.