Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/706
Título: A Praça Portugal como lugar: negociações de sentidos em encontros presenciais e mediados pelo computador
Título em inglês: Square Portugal as a place: negotiations of meaning in personal meetings and computer-mediated
Autor(es): Marques, Ana Cesaltina Barbosa
Orientador(es): Sampaio, Inês Sílvia Vitorino
Palavras-chave: Lugar
Sentido de lugar
Praça
Comunidades on-line
Consumo Juvenil
Place
Sense of place
Square
Online community
Youth consumption
Jovens consumidores - Praça Portugal(Fortaleza,CE) - Atitudes
Orkut(Rede social on-line)
Espaço e tempo
Interação social - Praça Portugal (Fortaleza,CE)
Praça Portugal (Fortaleza,CE) - Usos e costumes
Data do documento: 2010
Citação: Marques, A. C. B.; Sampaio, I. S. V. (2010)
Resumo: Esta dissertação investiga a constituição de sentidos para o lugar praça Portugal, logradouro da cidade de Fortaleza, no Ceará, considerando as experiências de jovens frequentadores do local nas noites de sábado, durante os anos de 2008 e 2009. A análise dos usos feitos do espaço e dos sentidos elaborados a partir de vivências individuais e coletivas considerou interações engendradas em uma zona conformada entre a praça e uma comunidade on-line do site de redes sociais orkut, denominada Praça Portugal. Essa zona de interação foi delineada por meio de um recorte estabelecido para esta pesquisa, mas é considerada também sinal de uma nova condição de experiência do espaço. Os encontros na comunidade on-line Praça Portugal estenderam a experiência de estar juntos dos jovens frequentadores da praça para além dos encontros presenciais aos sábados. A convivência no ciberespaço representou a possibilidade de deslocamento de relações sociais de contextos locais para relações estabelecidas em outros parâmetros de espaço e tempo. Observando as relações dos frequentadores entre si e com o espaço da praça, foi possível indicar a permanência, em 2008 e 2009, de sentidos elaborados para o lugar desde o início dos anos 2000: espaço para vivências de liberdade de ação e expressão; de realização de escambo ou comércio paralelo de bens simbólicos; de confronto com a diversidade de estilos associados ao consumo de bens simbólicos; e de estreitamento de laços de amizade. Na perspectiva dos sujeitos, foram verificados modos distintos de experimentar os sentidos partilhados coletivamente. No entrelaçado de tradicionais e novas possibilidades de interação social, observou-se a relevância dos processos de comunicação para o estabelecimento de vínculos entre os sujeitos inscritos espacialmente e deles para com o espaço, portanto para constituição de lugares.
Abstract: This dissertation investigates the constitution of senses of place to the Portugal square, in Fortaleza, Ceará, considering the experiences of young local goers on Saturday nights in 2008 and 2009. The analysis of uses to that space and the meanings created from individual and collective experiences considered interactions between the square and a online community of social network website orkut, called Praça Portugal. The zone of interaction was delineated by a cut set for this research, but is also considered a sign of a new condition of experience of space. The meetings in the online community Praça Portugal extended the experience of being together of young people who frequented the square in addition to face to face meeting on Saturdays. Living together in cyberspace represented the possibility of shifting social relations from local contexts for relationships established in other parameters of space and time. Observing the relationship between the customers themselves and with the space of square, was possible to identify, in 2008 and 2009, different senses of place to the Portugal square which has been attributed since the early 2000s: space for experiencing the freedom of action and expression; of conduct of parallel trade or barter of symbolic goods; confrontation with the diversity of styles associated with the consumption of symbolic goods; and stronger ties of friendship. From the viewpoint of the subjects, was found different ways to experience the senses of place collectively shared. The association between traditional and new possibilities of social interaction became possible to evidence the importance of communication processes for the establishment of links between subjects and spaces, so to set up places.
Descrição: MARQUES, Ana Cesaltina Barbosa; SAMPAIO, Inês Sílvia Vitorino. A Praça Portugal como lugar: negociações de sentidos em encontros presenciais e mediados pelo computador, 2010. 116 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Instituto de Cultura e Arte, Programa de Pós-Graduação em Comunicação Social, Fortaleza-CE, 2010.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/706
Aparece nas coleções:PPGCOM - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2010_Dis_AC Marques.pdf1,63 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.