Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7085
Title in Portuguese: Avaliação da qualidade de vida em crianças com distúrbios obstrutivos do sono pré e pós adenoidectomia ou adenotonsilectomia
Title: Assessment of quality of life in children with obstructive sleep before and after adenoidectomy or adenotonsillectomy
Author: Silva, Viviane Carvalho da
Advisor(s): Leite , Álvaro Jorge Madeiro
Keywords: Transtornos do Sono
Qualidade de Vida
Criança
Issue Date: 2005
Citation: SILVA, V. C. da. Avaliação da qualidade de vida em crianças com distúrbios obstrutivos do sono pré e pós adenoidectomia ou adenotonsilectomia. 2005. 71 f. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Faculdade de Medicina. Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2005.
Abstract in Portuguese: Objetivo: Avaliar o impacto na qualidade de vida dos distúrbios obstrutivos do sono (DOS) do sono em crianças atendidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS), assim como a repercussão do tratamento com adenoidectomia ou adenotonsilectomia na qualidade de vida destas crianças. Métodos: Foi realizado um estudo de intervenção não controlado do tipo antes e após (before and after) com um componente avaliativo (avaliação da qualidade de vida). Uma amostra consecutiva de crianças com indicação de adenoidectomia ou adenotonsilectomia foi recrutada no ambulatório de otorrinolaringologia do Hospital Universitário Walter Cantídio da Faculdade de Medicina da Universidade Federal do Ceará, e aplicados aos cuidadores um questionário validado, específico para a avaliação da qualidade de vida de crianças com DOS, o OSA-18, antes da cirurgia e com pelo menos 30 dias após a sua realização. Além disso, foi realizado exame nasofibroscópico, otorrinolaringológico, visando responder a questionário semi-estruturado sobre o perfil clínico e social da criança, em ambas as consultas. Resultados: A população do estudo foi de 48 crianças e a idade média de 5,93 anos (DP=2,43). A média de tempo de escolaridade do cuidador foi de 8,29 anos (DP=3,14). Os sintomas mais presentes foram de sono agitado, apnéia e ronco. A média de tempo de queixa de DOS foi de 4,62 anos (DP=2,49), sendo a média de escore total do OSA-18 basal de 82,83 (grande impacto na qualidade de vida) e no pós-operatório, de 34,15. As diferenças nos escores total e dos domínios entre o OSA-18 basal e pós operatório foram todas significantes (p<0,00). Conclusões: A crianças com DOS apresentam impacto relevante na qualidade de vida e apresentam melhora considerável após o tratamento cirúrgico.
Abstract: Objective: To evaluate the impact of sleep-disordered breathing (SDB) in the quality of life of children under treatment by the “Sistema Único de Saúde – SUS”, and the outcomes of the treatment with adenoidectomy or adenotonsillectomy in these children’s quality of life. Methods: A non-controlled intervening study was made, of the kind ‘before and after’, with an assessment component (evaluation of the quality of life). A consecutive sample of children with indication of adenoidectomy or adenotonsillectomy was recruited from the Walter Cantídio University Hospital otolaryngology clinic of the Federal University of Ceará Medical College, and the guardians answered a validated survey, specific for the evaluation of quality of life in children with SDB, the OSA-18, before the surgery and with, at least, 30 days after surgery, besides, a nasofibroscopic exam and an otolaryngology exam were done as well as the answering to a semi-structured survey about the child’s social and clinic profile, on both appointments. Results: The population under study was of 48 children with mean of 5,93 years of age (SD=2,43). The guardians’ mean of years of study was 8,29 years (SD=3,14). The most frequent symptoms were agitated sleep, apnea and snoring. The SDB complaining time average was 4,62 years (SD=2,49). The total score mean of the initial OSA-18 was 82,83 (great impact in quality of life) and after surgery was 34,15. The differences in the total scores and in the domains between the initial OSA-18 and post-surgery were all significant (p<0,00). Conclusions: Children with SDB present a relevant impact in their quality of life, and they show a dramatic improvement after surgical treatment.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7085
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DSC - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2005_dis_vcsilva.pdf1,48 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.