Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/709
Título: Nível tecnológico e competitividade da produção de mel de abelha (Apis mellifera) no Ceará
Autor(es): Freitas, Débora Gaspar Feitosa
Orientador(es): Khan, Ahmad Saeed
Coorientador(es): Silva, Lúcia Maria Ramos
Palavras-chave: Apicultura
Nivel tecnologico
Data do documento: 24-Fev-2003
Citação: FREITAS, D. G. F. (2003)
Resumo: O presente estudo procurou analisar a apicultura no Estado do Ceará, enfocando a produção de mel de abelhas (Apis mellifera) nos principais Municípios produtores do Estado, mais precisamente fazendo uma análise do nível tecnológico empregado na produção, bem como avaliando a rentabilidade da atividade e a competitividade em termos de eficiência dos produtores, e, por fim a relação do nível tecnológico com a competitividade. A pesquisa se realizou através de coleta de dados primários por meio de entrevistas diretas com os produtores nos Municípios de Mombaça, Pacajús e Chorozinho – Estado do Ceará – Brasil - no mês de outubro de 2002. Para avaliação do nível tecnológico, dividiu-se o sistema de produção de mel em cinco componentes: uso de equipamentos, manejo, colheita, pós-colheita e gestão; daí foram desenvolvidos índices tecnológicos para cada um separadamente e para o conjunto deles, com base na respectiva tecnologia recomendada, sendo que, quanto mais próximo da tecnologia recomendada, maior é o valor deste índice e, portanto, melhor o nível tecnológico. A avaliação da rentabilidade foi feita utilizando-se a metodologia do Sistema Integrado de Custos Agropecuários – CUSTAGRI, e a competitividade teve a abordagem onde utilizou-se os indicadores de eficiência como preços, custos e ucratividade. Para verificar a relação entre o nível tecnológico e a competitividade utilizou-se uma regressão simples pelo método dos mínimos quadrados ordinários – MQO, onde a competitividade foi analisada como variável dependente do nível tecnológico. Os principais resultados obtidos mostram que o nível tecnológico dos produtores de mel é considerado bom, sendo que na pós-colheita apresenta melhores índices, enquanto na gestão foram encontrados os mais baixos índices. No que se refere a rentabilidade, a produção de mel é uma atividade muito rentável, envolvendo baixos custos e podendo chegar a elevados índices de lucratividade. Os níveis tecnológicos influenciam positivamente a competitividade.
Abstract: The present study aimed to analyze the beekeeping in the State of Ceará focusing the honey production in the main municipal districts producing of the State, precisely making an analysis of the technological level employed in the production, as well as evaluating the profitability of the activity and the competitiveness in terms of efficiency of the producers, and finally the relationship of technological level and competitiveness. The research took place through collection of primary data through direct interviews with the producers in the municipal districts of Mombaça, Pacajús e Chorozinho – State of Ceará, during October 2002. To evaluate technological level, the honey production system was separated in five technologies: equipments, management, harvest, after-harvest and administration; then technological indexes were developed separately for each technology and for their group, based on the respective recommended technology, where the more close of the recommended technology, higher is the value of this index and, therefore better the technological level. The evaluation of the profitability was made by using the methodology of the Integrated System of Agricultural Costs - CUSTAGRI, and for competitiveness analysis it was used the efficiency indicators as prices and costs, and profitability indicators as operational profit and profitability index. To verify the relationship between the technological level and the competitiveness a simple regression it was used by the method of the Ordinary Square Minimum - MQO, where the competitiveness was analyzed as variable dependent of the technological level. The main obtained results shows that the technological level of honey production is considered good, and the technology of after-harvest presents better indexes, while in the technology of administration, was found the lowest indexes. Concerning to the profitability, the honey production is a profitable activity, involving low costs and could arrive high profitability indexes. The technological levels influence the competitiveness positively.
Descrição: FREITAS, Débora Gaspar Feitosa; SILVA, Lúcia Maria Ramos. Nível tecnológico e competitividade da produção de mel de abelha (Apis mellifera) no Ceará. 2003. 94f. Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Pós-Graduação em Economia Rural, Departamento de Economia Agrícola, Centro de Ciências Agrárias, Fortaleza-CE, 2003
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/709
Aparece nas coleções:DEA - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2003_dis_dgffreitas.pdf263,01 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.