Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7292
Title in Portuguese: Punção aspirativa por agulha fina em lesão nodular da tireóide : estudo da precisão da análise citopatológica no Hospital Universitário Walter Cantídio
Title: Aspiratory Punção for fine needle in injury to nodular of the tireóide: study of the precision of the ctopatológica analysis in the University Hospital Walter Cantídio
Author: Beserra, Carlos Felipe Saraiva
Advisor(s): Oliveira, Luiz Roberto de
Keywords: Nódulo da Glândula Tireóide
Neoplasias da Glândula Tireóide
Biópsia por Agulha
Issue Date: 1998
Citation: BESERRA, Carlos Felipe Saraiva. Punção aspirativa por agulha fina em lesão nodular da tireóide : estudo da precisão da análise citopatológica no Hospital Universitário Walter Cantídio. 1998. 136 f. Dissertação (Mestrado em Cirurgia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 1998.
Abstract in Portuguese: Punção Aspirativa por Agulha em lesão Nodular da Tireóide: Estudo da Precisão da Análise Citopatológica no Hospital Universitário Walter Cantídio. Curso de Pós-Graduação (Mestrado) em Base da Técnica Cirúrgica e Cirurgia Experimental, do Departamento de Cirurgia do Centro de Ciências da Saúde da UFC. Autor: Carlos Felipe Saraiva Beserra. No presente trabalho, objetivou-se analisar a precisão da punção aspirativa por agulha fina (PAAF), nos pacientes avaliados no Departamento de Cirurgia do Centro de Ciências da Saúde do HUWC-UFC, portadores de lesões nodulares de tireóide, bem como instituir como prática rotineira o uso da punção na avaliação destes pacientes. De forma secundária foram avaliados os fatores de risco para presença de neoplasia maligna nas lesões nodulares de tireóide e a importância dos exames complementares, nestes casos. Todos os pacientes foram avaliados com história clínica, exame físico, exames pré-operatórios de rotina, dosagem dos hormônios triodotironina, e tireotropina, estudo citológico e histológico. A cintilografia, ultrassom e a sorologia para anticorpos antitireoideanos não foram realizados em todos os pacientes. Os fatores de risco presentes, assim como a idade e o sexo, foram analisados em relação à sua associação com a presença de neoplasias malignas. Foram avaliados 66 pacientes portadores de nódulos de tireóide clinicamente palpáveis, submetidos a tratamento cirúrgico, cuja indicação obedeceu a critérios clínicos e citológicos. Desse total, 63 pacientes eram do sexo feminino. A média de idade foi de 41, anos, variando de 12 a 72 anos. Os fatores de risco, 09 com consistência dura no exame físico (13,6%), 09 pacientes apresentaram linfonodos clinicamente suspeitos (13,6%), e 01 apresentou rouquidão (1,5%). Os resultados da análise citológica foram agrupados como: benigno – 30 (45,5%), neoplasia folicular – 16 (24,2%), suspeito – 5 (7,6%), maligno – 12 (18,2%) e insatisfatório – 3 (4,5%). No estudo histológico, foi verificada a presença de 22 neoplasias malignas e 44 lesões benignas. A avaliação estatística em relação ao sexo masculino, presença de nódulos duros e de linfonodos cervicais palpáveis homolaterais ao nódulo mostrou maior associação com presença de câncer, estatisticamente significativa (Teste exato de Fisher; p<0,05). A análise quanto à idade, à presença de crescimento rápido, ao número ou o tamanho dos nódulos e à presença de rouquidão não apresentou associação com presença de neoplasia maligna, estatisticamente significante. No estudo da associação entre citologia e histologia foram observados os seguintes índices: sensibilidade de 78,6%, especificidade de 96,4%, valor de predição de 90,5%, valor preditivo positivo de 91,6%, falso-positivo de 8,4%, valor preditivo negativo de 90,0% e falso-negativo de 10,0%. Quando foram incluídos os resultados indeterminados (suspeito e neoplasia folicular) como positivo para presença de neoplasia maligna, na mesma seqüência anterior, os resultados foram: 85,0%, 62,8%, 69,0%, 53,3%, 46,7%, 89,3% e 10,6%. A cintilografia foi realizada em 23 pacientes e revelou 20 nódulos hipocaptantes (87%), dos quais 6 eram malignos (33%); não foram registrados cânceres nos 2 nódulos normocaptantes e em nódulo hipercaptante. O ultrassom foi realizado em 52 pacientes, dos quais, 36 apresentavam nódulos únicos, 14 nódulos múltiplos e em 2 casos a tireóide, segundo o laudo do ultrassonografista, era normal. Verificou-se um maior percentual de câncer nos pacientes com nódulo único, 36,1% versus 21,4%, contudo, a análise estatística não mostrou significância. Na presença de hipoecogenicidade do nódulo, 71% eram neoplasias malignas. A avaliação da função hormonal mostrou um maior percentual de câncer em pacientes com dosagens normais, 22 em 58 (37,9%), enquanto nos hipotireoideanos foi de 1 em 4 (25%), e nenhum nos 4 pacientes com hipertireoidismo. Os resultados aqui apresentados, portanto, confirmam a precisão da PAAF na abordagem da patologia nodular tireóideana e credenciam o método como seguro, no HUW-UFC.
Abstract: Fine needle aspiration in thyroid disease: study on the accuracy of cytology at Hospital Universitário Walter Cantídio (HUWC-UFC). This study analised the accuracy of fine-needle aspiration technique (FNA) in patients referred to the Departamento de Cirurgia of the Universidade Federal do Ceará (UFC). These patients presented of thyroid nodular disease. The intention of the study was also to establish the routine use of the FNA in these patients. It was also part of the study to analyse risk factors to malignant thyroid disease and the importance of complementary exam in the patients studied. All patients had their clinical history taken and underwent physical examination, pré operative de routine exam and measurement of thyroid hormones. The aspirative form FNA was subjected to cytologic and histologic studies. Thyroid scan, ultrasonography and serological test to detect antithyroid antibodies were not performed in all patients. Endemiological risk factors such as age and sex were analised regarding their association with malignant thyroid disease. Sixty-six (66) patients were studied. They presented with clinically palpable thyroid lumps and were subjected to surgical treatment, which indications obeyed clinical and cytologic criteria. 63 patients were female and 3 male. Age average was 41,5 years, varying from 12 to 72 years. Risk factors were identified as patients with: 08 lumps with fast growth (12,1%), 9 lumps with hard texture at physical examination (13,6%). (08) Eight patients presented at physical examination palpable lymphnods (12,1%) and one (1) patient had hoarseness (1,5%). Results from cytologic were grouped as: benign – 30 (45,5), follicular neoplásica – 16 (24,2%), suspicious of being malignant – 5 (7,6%), malignant – 12 (18,2%), and inadequate – 3 (4,5%). Histology showed 22 malignant neoplasias and 44 benign nodules. Statistical analysis regarding sex, age, presence of hard lumps and palpable neck lymphnods homolateral to the lump showed an increased association with malignant disease (Fisher; p<0,05). However, there was no increase association with malignant age, patients who presented hoarseness, with lumps, with fast growth, and varied number to lumps and with different sizes. Combining cytology and histology enable to obtain the following indicators: sensitivity – 78,6% specificity – 94,5%, value of prediction – 90,5%, predictive positive value – 91,6%, false-positive – 8,4%, predictive negative value – 90,0%, and falsenegative – 10,0%. When included cytological results classified as indetermined (suspicious of malignancy and follicular neoplásica) as positive for malignant disease the indicators in the same sequence above were: 85%, 62,8%, 69,0%, 53,3%, 46,7%, 89,3% and 10,0%. Thyroid scan was performed in 23 patients and revealed 20 hypocaptent lumps (87%) – 6 of which were malignant (33,0%). No malignancy was found in two (2) normocaptent lumps and one (1) following results: 36 patients presented single lumps, 14 patients – multiple lumps and 2 patients had normal ultrasonography exam. There was a higher of malignancy in patients with single lumps turned to be malignant. When evaluating hormonal function there was a higher percentage of malignancy inpatients with normal hormonal disease (37,9%) – 22 out of 58 patients. When hypothyroidism was fund 25% this patients (1 out of 4) presented malignancy of nodular thyroid diseases and creditate the method as safe at the HUWC/UFC.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7292
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DCIR - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
1998_dis_cfsbeserra.pdf3,02 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.