Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7598
Title in Portuguese: Avaliação hepática após transplante de fígado : estudo comparativo utilizando solução de Belzer e Collins
Title: Evaluation of the hepática function after the liver transplant : comparative study using solution of Belzer and Collins
Author: Barros, Marcos Aurélio Pessoa
Advisor(s): Garcia, José Huygens Parente
Keywords: Transplante de Fígado
Issue Date: 2008
Citation: BARROS, Marcos Aurélio Pessoa. Avaliação da função hepática após o transplante de fígado : estudo comparativo utilizando solução de Belzer e Collins. 2008. 58 f. Dissertação (Mestrado em Cirurgia) - Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2008.
Abstract in Portuguese: O transplante hepático é o tratamento padrão para os portadores de doença hepática terminal. Com o refinamento da técnica cirúrgica, melhoria da eficácia dos imunossupressores, o entendimento da lesão de isquemia-reperfusão e o uso de soluções de preservação mais fisiológicas, houve um aumento considerável da sobrevida do enxerto hepático, e consequentemente, da sobrevida do paciente. A solução de preservação de Collins é a mais simples e a mais econômica, sendo utilizada desde 1969 principalmente no transplante renal. A solução de Belzer é a mais utilizada mundialmente e preserva o enxerto hepático por um período maior, entretanto com um custo mais elevado. O presente estudo compara 2 esquemas de perfusão hepática utilizando a solução de Collins e Belzer. A diferença entre os dois grupos é que a solução de Belzer infundida pela veia porta é substituída pela solução de Collins. Foram avaliados 49 pacientes submetidos a transplante hepático com doador falecido no Hospital Universitário Walter Cantídio da Universidade Federal do Ceará. A função hepática após o transplante foi avaliada através das concentrações séricas de AST, ALT, Bilirrubinas e valores de INR (Relação Normatizada Internacional do tempo de protrombina) no primeiro e sétimo dia pós-operatório. O tempo de isquemia fria foi menor que 10 horas em todos os pacientes. Não houve diferença entre os dois grupos nos parâmetros analisados, exceto no INR do grupo em que foi infundida solução de Collins na veia porta, que foi maior no 1º PO. Os dois esquemas de preservação hepática podem ser utilizados com segurança, desde que observado um tempo de isquemia fria menor que 10 horas. Houve uma redução do custo do transplante no grupo que utilizou um menor volume da solução de Belzer
Abstract: The hepatic transplant is the standard treatment for terminal hepatic illness. With the refinement of the surgical technique, improvement of the effectiveness of the immunosuppressive drugs, the better knowledge of the reperfusion injury and the use of more physiological solutions of preservation, had a considerable increase of the survival of hepatic graft. The Collins’ preservation solution used since 1969 , in renal transplant, is simplest and most economic preservation solution. The Belzer’s solution is used world wide and preserves hepatic graft for a longer period, although more expensive. The present study it compares 2 projects of hepatic perfusion using the Collins and Belzer’s solution. The difference between the two groups is that the Belzer’s solution perfused for the portal vein is substituted by the solution of Collins. At Walter Cantídio Hospital of the Federal University of the Ceará 49 patients submitted to hepatic transplant of deceased donors graft were evaluated. The hepatic function after the transplant was evaluated through parameters AST, ALT, INR and Bilirubin in first and the seventh postoperative day. The time of cold ischemia was less than 10 hours in all the patients. There was no difference between the two groups in the analyzed parameters, except in the INR of the group where Collins’ solution in the portal vein was perfused, which was greater in the 1º postoperative day. The two projects of hepatic preservation can be used with security, as the cold ischemia time is less than 10 hours, however, it had a reduction of the cost of the liver transplant in the group that used a lesser volume of the solution of Belzer.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7598
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:DCIR - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2008_dis_mapbarros.pdf238,06 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.