Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7703
Title in Portuguese: Eu adolescente, e o outro, diferente?: uma análise das produções discursivas de alunos de uma escola particular de Fortaleza
Title: I teenager, and the Other, Different?: an analysis of the discursive productions of students of a private school in Fortaleza
Author: Fontenele, Luciana Queiroz
Advisor(s): Miranda, Luciana Lobo
Keywords: Mays of subjectification
Intervention–Research
Psicologia do adolescente – Fortaleza(CE)
Adolescentes – Aspectos sociais – Fortaleza(CE)
Intersubjetividade
Escolas particulares – Fortaleza(CE)
Issue Date: 2013
Publisher: www.teses.ufc.br
Citation: Fontenele, L. Q.; Miranda, L. L. (2013)
Abstract in Portuguese: Este trabalho teve como objetivo analisar e problematizar como os adolescentes favorecidos socialmente são subjetivados e constroem discursivamente significados sobre ser adolescente na contemporaneidade. Tomando como referência a articulação entre discurso e modos de subjetivação em Foucault, buscou-se, por meio de pesquisa–intervenção, problematizar a constituição dos sujeitos adolescentes a partir de como se posicionam no interior dos discursos (aceitação–resistência–negociação) que enredam a(s) adolescência(s) no contexto atual. Levaram-se em consideração as transformações contemporâneas, tais como a expansão da tecnificação e do consumo em massa e a pouca circulação na cidade, aspectos que restringem o contato do adolescente socialmente favorecido com os adolescentes de classes populares, bem como os vários discursos sobre adolescência a partir de um lugar de saber e poder. Ou seja, as práticas discursivas e não discursivas, segundo Foucault, que estão na base da constituição dos sujeitos. O locus da pesquisa foi uma escola particular de Fortaleza e a ferramenta teórico-metodológica foi o grupo de discussão, composto por quinze adolescentes entre 13 e 15 anos, que produziu um vídeo intitulado Conhecendo as Adolescências. A análise dos discursos produzidos e veiculados no grupo teve como base os estudos de Foucault. Nessa análise, foi possível perceber que as versões que os adolescentes constroem, sobre si e sobre o outro adolescente, são atravessadas por discursos dos campos psicológico, biológico, sociológico, midiático, jurídico e, sobretudo, por sua experiência, no que ela também é enredada por tais discursos. Embora não identifiquem quais desses campos estão na base de suas próprias construções discursivas, mostram influência daqueles que constroem diferentes significados sobre adolescência, tomando como critério sua condição socioeconômica. A abertura para as mudanças e negociações em seus posicionamentos, engendrada no grupo de discussão, promoveu deslocamentos discursivos, ampliando as possibilidades de constituição subjetiva para estes adolescentes mais favorecidos socialmente.
Abstract: This study aimed to analyze and problematize how socially favored teenagers are subjectified and construct discursively meanings about being a teenager nowadays. Referring to the relationship between discourse and forms of subjectivity in Foucault, it was searched, through intervention research, to problematize the constitution of the adolescents from how they place themselves within the discourses (acceptance–resistance–negotiation) that entangled the adolescence(s) in the current context. The contemporary transformations were taken into consideration, such as the technification expansion, the mass consumption and the little circulation in the city. These aspects restric the contact of the socially favored teenagers with others from lower classes, as well as the various discourses about adolescence from a place of knowledge and power. In other words, the discursive and non-discursive practices, according to Foucault, which underlie the constitution of the individuals. The locus of the research was a private school in Fortaleza and the theoretical-methodological tool was a discussion group, composed of fifteen adolescents between 13 and 15 years old, who produced a video called Conhecendo as Adolescencias. The analysis of the discourses produced and transmitted in the group was based on the studies of Foucault. In this analysis, it was possible to realize that the versions which adolescents construct about themselves and about the other adolescent are crossed by the psychological, biological, sociological, media and juridical speeches and above all by his experience as it is also entangled by such speeches. Even though, they do not identify which of these fields are the bases of their own discursive constructions, they show influence of those who construct different meanings about adolescence, taking their socioeconomic condition as criterion. The openness for the changes and negotiations in their positions, engendered in the discussion group, promoted discursive displacements, expanding the possibilities of subjective constitution for these adolescents more socially favored.
Description: FONTENELE, Luciana Queiroz. Eu adolescente, e o outro, diferente?: uma análise das produções discursivas de alunos de uma escola particular de Fortaleza. 2013. 145f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-graduação em Psicologia, Fortaleza (CE), 2013.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7703
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGP - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013-DIS-LQFONTENELE.pdf1,36 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.