Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7783
Title in Portuguese: Histomorfometria dos mecanorreceptores e terminações nervosas livres no quadril artrósico : estudo comparativo com quadril normal de cadáver
Title: Histomorphometry of mechanoreceptors and free nerve endings in hip joint : a comparative study in patients with secondary hip arthrosis and normal
Author: Moraes, Miguel Ricardo Barbosa
Advisor(s): Leite, Jose Alberto Dias
Co-advisor(s): Cavalcante, Maria Luzete Costa
Keywords: Mecanorreceptores
Terminações Nervosas
Issue Date: 2008
Citation: MORAES, M. R. B. Histomorfometria dos mecanorreceptores e terminações nervosas livres no quadril artrósico : estudo comparativo com quadril normal de cadáver. 2008. 103 f. Tese (Doutorado em Cirurgia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2008.
Abstract in Portuguese: O interesse de pesquisadores pelo estudo do sistema proprioceptivo vem crescendo nas últimas décadas. Isto é decorrente da importância da integridade deste sistema no tratamento das enfermidades ortopédicas. Os mecanorreceptores e as terminações nervosas livres são as unidades microscópicas fundamentais da propriocepção e do sistema nervoso aferente. Eles transmitem ao sistema nervoso central informações fisiológicas em forma de potencial de ação, quando as estruturas articulares, cápsula, ligamentos e músculos, são submetidas ao estresse do movimento. Foram avaliadas a presença e a densidade dos mecanorreceptores na cápsula, ligamento da cabeça femoral e labrum acetabular de 45 quadris masculinos. Destes, 30 foram obtidos de pacientes do sexo masculino com artrose secundária (grupo I) durante artroplastia e 15 de cadáveres frescos com articulação do quadril normal (grupo II). A idade média do grupo I foi de 56,5 e do grupo II foi de 35,6 anos. Os fragmentos obtidos foram mensurados em 2mm e corados com cloreto de ouro a 1%. Após fixação os fragmentos foram seccionados com criostato, em série de 6 micrômetros de espessura e submetidos à microscopia de luz. Foram identificados três tipos de mecanorreceptores: Ruffini, Pacini e Golgi, além das terminações nervosas livres de acordo com a classificação de Freeman e Wike (1967). Em cada grupo foi determinado o número e a densidade de mecanorreceptores e em seguida foram comparados os resultados. Concluiu-se que o predomínio das terminações tipo Pacini no gurpo controle foi significante quando comparado com os corpúsculos tipo Rufini (p < 0,01) e Golgi (p < 0,001).Enquanto que no grupo artrose a densidade do tipo Golgi foi menor que o tipo Pacini(p < 0,001) e terminações nervosas livres( p < 0,01).Por outro lado, quando comparados a densidade total das terminações nervosas nos dois grupos observou-se uma redução significante nos quadris artrósicos (p = 0.008). Isto sugere fortemente que a integridade do sistema proprioceptivo parece sofrer modificações em quadris artrósicos, como conseqüência da redução do número de terminações nervosas. Estudos eletrofisiológicos futuros serão necessários para definir o papel das terminações nervosas e o padrão proprioceptivo do quadril normal do quadril artrósico.
Abstract: Proprioceptive studies have reported growing interest in investigators in the last few decades. This is result of relevant integrity of this system in the treatment of orthopedic diseases. Mechanoreceptors and free nerve endings are the microscopy basic units from proprioception and peripheral nervous system. They transmit to the central nervous system physiological information with detection threshold when the joint are submitted to mechanical stress. The presence and density of mechanoreceptors were investigated in the capsule, teres ligament and acetabulum labrum from 45 hips joint. Of these 30 were obtained from male patients (Group I) with secondary arthrosis at open arthoplasty and 15 of fresh cadaver with normal hip joint (Group II). The mean age of group I was 56,6 and the group II was 36,5 years. The fragments obtained were measured up to 2mm and stained with gold chloride 1%. After fixation the fragments were sectioned with cryostat at serial sections of 6µm thickness and examined using light microscopy. We identified 3 types of mechanoreceptors: Ruffini, Pacini and Golgi corpuscles, as well free nerve endings according of Freeman and Wike classified 1967. Each group was determined the number and density of mechanoreceptors and then it was compared. We conclude that the number of Pacini type was significative when it was compared with Rufini ( p < 0,01 ) and Golgi types (p< 0,001), in the normal group. However, the denstity of the Golgi type was minor compared to the Pacini ( p < 0,001) and free nerve ending ( p < 0,01 ) in the arthrosis group. Therefore, when the density total of nerve endings in normal hips were compared with arthosis hips we founded that the number decreased (p = 0.008). This is suggests strongly that the integrity of proprioceptive system seems to be modified by arthosis in consequence of nerve endings numbers. In the future, electrophysiological studies will be necessary to determine the rule of nerve endings and proprioceptive system in the normal and arthosis hip.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7783
metadata.dc.type: Tese
Appears in Collections:DCIR - Teses defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2008_tese_mrbmoraes.pdf4,34 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.