Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7791
Title in Portuguese: Influência da adequação anestésica controlada pelo eeg sobre o estresse oxidativo e metabolismo anaeróbico em operações pelo acesso videolaparoscópico
Title: Influence of the controlled anesthetical adequacy for eeg on it estresse oxidativo and anaeróbico metabolism in operations for the videolaparoscópico access
Author: Nunes, Rogean Rodrigues
Advisor(s): Regadas, Francisco Sérgio Pinheiro
Keywords: Eletroencefalografia
Laparoscopia
Radicais Livres
Issue Date: 2008
Citation: NUNES, Rogean Rodrigues. Influência da adequação anestésica controlada pelo eeg sobre o estresse oxidativo e metabolismo anaeróbico em operações pelo acesso videolaparoscópico. 2008. 91 f. (Doutorado em Cirurgia) - Universidade Federal do Ceará. Faculdade de Medicina, Fortaleza, 2008.
Abstract in Portuguese: Foram investigados os efeitos da profundidade da anestesia baseada na monitorização eletroencefalográfica( BIS, SEF 95%, pEMG e TS) sobre as concentrações sanguíneas dos metabólitos (lactato, piruvato e glicose), de substâncias reagentes ao ácido tiobarbitúrico(TBARS) e glutationa, em pacientes submetidas a operações com acesso laparoscópico. Vinte pacientes adultas, ASA I, índice de massa corpórea entre 20 e 26, idade entre 20 e 40 anos, foram aleatoreamente distribuidas em dois grupos iguais: Grupo I- submetidas a procedimento anestésico-cirúrgico com BIS mantido entre 45 e 60 e Grupo II-submetidas a procedimento anestésico-cirúrgico com BIS entre 30 e 45. As pacientes foram avaliadas em seis momentos: M1(imediatamente antes da indução anestésica), M2( imediatamente antes da intubação traqueal), M3(imediatamente após a intubação traqueal), M4( imediatamente antes do pneumoperitônio), M5(imediatamente após o pneumoperitônio) e M6( uma hora após a operação). Os valores do BIS foram ajustados de acordo com a concentração expirada do sevoflurano. Em todos os momentos foram avaliados os seguintes parâmetros: PAS,PAD,FC,BIS,TS,SEF 95%,CEsevo,TBARS, glutationa, lactato, piruvato e glicemia. As variáveis antropométricas foram semelhantes em ambos os grupos, assim como a duração da operação, anestesia e pneumoperitônio(p>0,05). As variáveis hemodinâmicas não ultrapassaram valores além dos limites da normalidade. Observou-se aumento significante nos valores do lactato, piruvato, glicemia, TBARS e glutationa em M5, tanto no grupo I como no Grupo II(p<0,05), sendo os maiores valores detectados no grupo II(anestesia mais profunda). Houve registro de supressão em três pacientes no grupo II, após o pneumoperitôneo. A elevação na concentração plasmática de todos os marcadores no grupo I( em M5)) sugerem aumento do metabolismo anaeróbico na circulação esplâncnica enquanto os valores elevados observados no grupo II(GII>GI em M5-p<0,05%) sugere interferência de mais um fator(anestesia profunda), como responsável pelo aumento do metabolismo anaeróbico, provavelmente como resultados de maior depressão do sistema nervoso autônomo e menor auto regulação esplâncnica.
Abstract: The present study evaluated the influence EEG-monitored depth of anesthesia (BIS, SEF 95%, pEMG and TS) on the blood levels of the metabolites (lactate, piruvate and glucose) of thiobarbituric acid-reactive substances (TBARS) and glutathione in patients submitted to laparascopic surgery. Twenty adult subjects (ASA I, body mass index 20–26, age 20–40 years) were randomly assigned to one of two groups: Group I – BIS maintained in the range 45–60 during surgery; Group II – BIS maintained in the range 30–45. The patients were evaluated at six different moments: M1 (immediately before induction of anesthesia), M2 (immediately before tracheal intubation), M3 (immediately after tracheal intubation), M4 (immediately before pneumoperitoneum), M5 (immediately after pneumoperitoneum) and M6 (one hour after surgery). BIS levels were adjusted according to the end tidal concentration of sevoflurane. The parameters PAS, PAD, FC, BIS, TS, SEF 95%, CEsevo, TBARS, glutathione, lactate, piruvate and glycemia were measured at all six moments. The groups were comparable with regard to anthropometric variables, duration of surgery, anesthesia and pneumoperitoneum (p>0.05), and the hemodynamic variables were within the normal range. Lactate, piruvate, glycemia, TBARS and glutathione levels increased significantly at M5 in both groups (p<0.05), but especially in Group II (deeper levels of anesthesia). Burst supression was observed for three patients in Group II after pneumoperitoneum. The observed increase in plasma concentrations for all parameters in Group I indicates increased anaerobic metabolism in the splanchnic circulation, while the high concentrations observed for Group II (GII>GI at M5; p<0.05) suggests the interference of another factor (deep anesthesia) inducing anaerobic metabolism, probably through increased depression of the autonomous nervous system and decreased splanchnic autoregulation.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7791
Appears in Collections:DCIR - Teses defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2008_tese_rrnunes.pdf3,56 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.