Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7808
Title in Portuguese: Definição sexual: existe um padrão na sexualidade dos peixes? Uma Revisão.
Title: Sexual Definition: is there a pattern in the sexuality of fish? A Revision.
Author: Costa, Raimundo Bezerra da
Sales, Ronaldo de Oliveira
Maggioni, Rodrigo
Vidal, Dea Lima
Farias, José Oriani
Keywords: Sexualidade em peixes
Diversidade
Plasticidade
Determinação do sexo
Diferenciação sexual
Evolução sexual
Issue Date: 2013
Publisher: Rev. Bras. Hig. San. Anim.
Citation: COSTA, Raimundo Bezerra da. Et. Al. Sexual Definition: is there a pattern in the sexuality of fish? A Revision. Revista Brasileira de Higiene e Sanidade Animal, Fortaleza, v. 7, n. 2, p. 390-415, jul-dez, 2013.
Abstract in Portuguese: Os peixes são encontrados nos mais variados habitats aquáticos, indo desde grandes altitudes às depressões muito abaixo do nível do mar, o que reflete uma grande amplitude de espécies existentes. Essa condição deve-se à diversidade genômica ser enriquecida pela fusão dos gametas na formação dos indivíduos e na determinação do sexo. Das recombinações genéticas, durante os processos de divisão celular e estratégias reprodutivas, resultam numa ampla plasticidade adaptativa, tanto biológica como ecológica. Tudo isto torna-se possível através da reprodução, onde também se observa uma grande diversidade de formas, mesmo existindo um padrão de desenvolvimento sexual bem definido como macho ou fêmea na maioria das espécies, constituindo os gonocoristas, e uma pequena fração formada pelos tipos reprodutivos de unissexuais e de hermafroditas. A explicação dessa diversidade tem como base a propriedade de retenção da dupla potencialidade sexual das células germinativas primordiais, encontradas em diferentes estágios na gonadogênese, e por sua capacidade de rediferenciação durante a vida reprodutiva, uma base biológica conservada pelos teleósteos, constituindo toda plasticidade. Por isso, observam-se espécies que apresentam grande estabilidade e outras muito lábeis para mudar o sexo ao longo da sua vida. Essas diferentes formas de reprodução tem origem na grande variedade de mecanismos responsáveis tanto pela determinação do sexo como de formação dos padrões de diferenciação sexual, que incluem uma base genética, com sistemas monogênico e poligênico, e a influência de diferentes fatores ambientais, principalmente temperatura e interações sociais. Apesar dos mecanismos de determinação e diferenciação sexual serem conservados em mamíferos e aves, nos peixes parecem ser muito instável. Isto sugere, em termos evolutivos, um acúmulo de evidências participativas do processo em favor de uma unificação das estratégias que enfatizam os fatores genéticos e os ambientais. Em particular, parece que os fatores de ambiente dirigem a força responsável pelo desenvolvimento sexual e pela evolução em todos os níveis, com a seleção e a deriva genética tendo sido responsáveis por estabelecer um padrão capaz de caracterizar a determinação sexual atual. Assim, a proposta seria: qual a maneira ou em que nível estes fatores contribuem para dirigir o processo evolutivo, independente de qualquer contexto e na forma inteiramente holística.
Abstract: The fish are found in the most diverse aquatic habitats, ranging from high altitudes the depressions far below sea level, which reflects a wide range of existing species. This condition is due to diversity genomics be enriched by the fusion of the gametes in the training of individuals and in sex determination. Of genetic recombinations, during the processes of cell division and reproductive strategies, which result in a broad adaptive plasticity, both biological and ecological. All this becomes possible through the playback, where also if there is a great diversity of forms, even if there is a pattern of sexual development as well defined as male or female in the majority of species, constituting the gonochorists, and a small fraction formed by types of reproductive unisexual sessile and hermaphrodites. The explanation of this diversity has as a basis the property of retaining the dual sexual potentiality of primordial germ cells, found in different stages in gonadogenesis, and by their ability to differentiate during the reproductive life, a biological base kept by teleosts, constituting all plasticity. For this reason, it was possible to observe species that show great stability and other very labile to change the sex throughout their life. These different forms of reproduction has its origin in the great variety of mechanisms responsible for both sex determination as to formation of patterns of sexual differentiation, which include a genetic basis, with monogenic and polygenic systems, and the influence of different environmental factors, mainly temperature and social interactions. Although the mechanisms of sex determination and differentiation are conserved in mammals and birds, in fish seem to be very unstable. This suggests that, in evolutionary terms, an accumulation of evidence of participatory process in favor of a unification of strategies that emphasize the genetic factors and the environment. In particular, it seems that the environmental factors govern the force responsible for sexual development and by developments in all levels, with the selection and genetic drift having been responsible for establishing a standard capable of characterizing the current sexual determination. Thus, the proposal would be: in what way or in what level these factors contribute to driving the evolutionary process, independent of any context and in a way wholly holistic.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7808
metadata.dc.type: Artigo de Periódico
ISSN: 19812965
Appears in Collections:PPGZO - Artigos publicados em revistas científicas

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2013_art_rbcosta.pdf212,48 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.