Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7918
Título: Indicadores sociais e saúde autorreferida de idosos diabéticos : variações entre os sexos
Título em inglês: Social indicators and self-reported health of elderly diabetic people : variations between the sexes
Autor(es): Fernandes, Maria da Graças Melo
Macêdo-Costa, Kátia Nêyla de Freitas
Moreira, Maria Eliane de Araújo
Oliveira, Jacira dos Santos
Palavras-chave: Idoso
Diabetes Mellitus
Data do documento: Jan-2013
Editor: Acta Scientiarum. Health Sciences
Citação: FERNANDES, M. G. M. ; MACÊDO-COSTA, K. N. F. ; MOREIRA, M. E. A. ; OLIVEIRA, J. S. (2013)
Resumo: RESUMO. O diabetes apresenta alta morbimortalidade, com perda importante na qualidade de vida do idoso. Assim, objetivou-se averiguar variações entre os sexos relativos aos indicadores sociais e ao estado de saúde autorreferido de idosos diabéticos. Estudo exploratório, realizado no Ambulatório de Endocrinologia do Hospital Universitário da UFPB, por meio de entrevista a 53 idosos atendidos, de outubro a dezembro de 2009. A análise dos dados foi efetivada pelo SPSS. Dos idosos, 38% eram homens e 62% mulheres; a maioria 58,49% tinha idade entre 60 a 64 anos e 71,70% referiram ser casados. Observou-se maior índice de viuvez entre as mulheres (21,21%). Considerando a renda, advinda especialmente da aposentadoria, 80% no caso dos homens e 54,55% das mulheres. Das mulheres, 42,42% referiram exercer atividade ocupacional apenas no lar e 65% dos homens não exerciam nenhuma. Quanto à falta de ajuda no cuidado em saúde, esta foi expressa por 5% dos homens. Verificou-se que 81,13% dos idosos expressavam duas ou mais enfermidades. Quanto ao uso de tecnologia assistiva, houve um predomínio entre os homens (10%). O estudo contribuiu para ampliar o conhecimento dos indicadores sociais e de saúde de homens e mulheres idosos diabéticos, o que pode melhor direcionar o cuidado de enfermagem.
Abstract: ABSTRACT. Diabetes has a high morbidity and mortality, with significant loss in the elderly people’s life quality. Variations between the sexes with regard to social indicators and self-reported health status of elderly people with diabetics are investigated. Current exploratory study has been undertaken at the outpatient endocrinology clinic of the University Hospital of UFPB, through interviews with 53 elderly people, of whom 38% were males and 62% were females, between October and December 2009, and data were analyzed by SPSS. Most of the elderly people (58.49%) interviewed were within the 60 - 64 age bracket. Although 71.70% reported being married, a high widowhood rate (21.21%) among the females was reported. Pension was the main source of income for 80% of males and for 54.55% of females. Whereas 42.42% of the females worked only at home, 65% of the males were unemployed. Further, 81.13% of the elderly had two or more diseases, 5% of males admitted lack of help in health care, and more men (10%) than women used assistance technologies. Since current study contributed towards a broadening of social and health indication data on men and women with diabetes, it may be beneficent towards better care in nursing.
Descrição: FERNANDES, Maria da Graças Melo ; MACÊDO-COSTA, Kátia Nêyla de Freitas ; MOREIRA, Maria Eliane de Araújo ; OLIVEIRA, Jacira dos Santos. Indicadores sociais e saúde autorreferida de idosos diabéticos : variações entre os sexos. Acta Scientiarum. Health Sciences, Maringá, v. 35, n. 1, p. 59-66, jan./jun., 2013.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/7918
ISSN: 1679-9291 Impresso
1807-8648 On-line
Aparece nas coleções:DENF - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2013_art_knfmacedo.pdf590,71 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.