Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/799
Título: “Mães de Bragança” e feitiços: enredos luso-brasileiros em torno da sexualidade
Autor(es): PAIS, José Machado
Palavras-chave: Sexualidade
Valores
Prostituição
Movimentos sociais
Feitiços
Sexuality
Values
Prostitution
Social movements
Witchcraft
Data do documento: 2010
Editor: Revista de Ciências Sociais
Citação: PAIS, J. M. (2010)
Resumo: Neste artigo, propõe-se um debate sobre valores e representações sociais que encapotam a sexualidade, uma vez que a melhor forma de a colocar a nu é mostrando como se veste. Essas vestimentas são artefactos retóricos que devem ser percebidos como factos de construção ideológica. Assim sendo, há que os interpretar para alcançar a realidade que encobrem. A estratégia metodológica adotada aplica-se a um estudo de caso que aborda as convulsões sociais geradas pela presença de jovens brasileiras numa cidade do Norte de Portugal (Bragança), com fortes marcas de tradicionalismo. Pela sua condição de prostitutas, sedutoras e imigrantes, elas foram olhadas como um factor de perturbação da ordem. Algumas mulheres organizaram-se então num movimento social, autodenominado Mães de Bragança, para as expulsar da cidade, acusando-as de enfeitiçarem os seus maridos com encantos e magias.
Abstract: This article propounds a discussion on values and social representations that veil sexuality, considering that the most effective way of laying sexuality bare is to show how it dresses itself. Those outfits are rhetorical tools that must be perceived as facts originating from an ideological conception. As a result, one has to interpret them in order to reach the reality that they hide. The propounded methodological strategy is directed toward a case study that approaches the social unrest created by the presence of Brazilian young girls in a city in northern Portugal (Bragança) revealing a strong trace of traditionalism. Due to their social status of prostitutes, charmers and immigrants they were seen as contributing agents to the breaking of the law. Some women, then, organized themselves into a social movement, self-denominated Mothers of Bragança, in order to expel the girls from the city accusing them of bewitching their husbands by means of enchantment and magic.
Descrição: PAIS, José Machado. Mães de Bragança e feitiços: enredos luso-brasileiros em torno da sexualidade. Revista de Ciências Sociais, Fortaleza, v. 41, n. 2, 2010, p. 9-23
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/799
ISSN: BL 0041-8862
Aparece nas coleções:DCSO - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2010_art_JMPais.PDF187,45 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.