Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/8400
Título: Crescimento do berbigão, Anomalocardia brasiliana (Bivalvia: Veneridae) na Praia de Mangue Seco, Pernambuco, Brasil
Título em inglês: Growth of the pointed venus, Anomalocardia brasiliana (Bivalvia: Veneridae) at Mangue Seco Beach, Pernambuco State, Brazil
Autor(es): Oliveira, Leônidas
Lavander, Henrique
Rodrigues, Sérgio
Brito, Luis Otávio
Gálvez, Alfredo Olivera
Palavras-chave: Alometria
Anomalocardia brasiliana
Data do documento: 2013
Editor: Arquivos de Ciências do Mar
Citação: OLIVEIRA. L. ; LAVANDER. H. ; RODRIGUES. S. ; BRITO. O. L. ; GÁLVEZ. O. A. (2013)
Resumo: O berbigão, Anomalocardia brasiliana, apresenta grande importância econômica e social na pesca artesanal de Pernambuco, mas a exploração desordenada deste recurso na região pode comprometer os estoques naturais. O presente estudo teve como objetivo analisar as relações morfométricas de crescimento do marisco coletado na praia de Mangue Seco, município de Igarassu, litoral norte de Pernambuco. Para verificar as relações morfométricas da concha do marisco foram realizadas regressões não lineares entre as medidas comprimento/largura, estatisticamente avaliadas por meio do teste t de Student (p<0,05). Já para a análise entre classes de comprimento ao longo dos meses foi utilizada a ANOVA seguida do Teste de Duncan (p<0,05), sendo o mês de julho/2009 o que apresentou o maior valor do comprimento médio, com 22,76 mm. O berbigão possui crescimento alométrico negativo entre as medidas morfométricas da concha, indicando que a espécie não apresenta um crescimento constante entre comprimento e largura ao longo do tempo.
Abstract: The pointed venus, Anomalocardia brasiliana, has a great social and economic importance in the development of small-scale fisheries off Pernambuco State, but uncontrolled exploitation of this resource in the region could mean stock depletion in the median range. This study aimed to analyze the growth morphometric relationships of that clam collected from at Mangue Seco beach, Igarassu county, northern Pernambuco. To check out the existence of shell morphometric relationships, regression equations were fitted to non linear measurements length/width and t student test (p<0.05). As for the analysis between length classes along the year the ANOVA technique was made use of followed by Duncan’s test (p<0.05), with the month July, 2009 showing the highest mean length value of 22.76 mm. The pointed venus boasts a negative allometric growth between its shell’s morphometric measures, indicating that the species does not sustain a constant relative development between length and width over time.
Descrição: OLIVEIRA. L. et al. Crescimento do berbigão, Anomalocardia brasiliana (Bivalvia: Veneridae) na Praia de Mangue Seco, Pernambuco, Brasil. Arquivos de Ciências do Mar. Fortaleza, v. 46, n. 1, p. 22-28, 2013.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/8400
Aparece nas coleções:LABOMAR - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2013_art_loilveira.pdf2,03 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.