Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/9452
Título: Carbono social como meio de correção das externalidades geradas pela indústria cerâmica: caso de sucesso no Cariri Cearense
Autor(es): Carleti, Erika da silva
Orientador(es): Jorge Neto, Paulo de Melo
Palavras-chave: Externalidades
Meio ambiente
Carbono social
Induatria cerâmica
Sustentabilidade
Data do documento: 26-Jun-2012
Citação: CARLETI, Erika da S. (2012)
Resumo: O setor de indústria cerâmico é considerado poluidor devido ao uso de lenha como combustível, causando emissão de gás carbônico (CO2) ao meio ambiente. Este trabalho, com enfoque na Teoria Econômica e na Metodologia do Carbono Social (MCS), teve como objetivo discutir as externalidades negativas associadas ao setor de indústria cerâmico, bem como expor o êxito em reduzi-las obtido por uma empresa localizada na região Cariri do Ceará. Por meio de um estudo de caso foram analisados os efeitos ambientais negativos da produção gerados por este setor, além de apresentar os resultados positivos alcançados pela empresa. Estes foram alcançados na área financeira, pela venda de crédito de carbono, e também na área ambiental devido às emissões de carbono que foram evitadas. Houve também melhoria no ambiente interno da empresa, que reaproveitou resíduos que facilitam as queimas nos fornos, como restos de podas de árvore, pó de serraria e bagaço de cana, resultando em economia no consumo de energia. Conclui-se que o estudo de caso, com enfoque na teoria econômica e na MCS, propicia estímulo financeiro para que as empresas passem a utilizar práticas ambientalmente corretas, além de permitir mudanças no processo produtivo que contribuem para a redução de custos da empresa, aumenta o bem estar dos funcionários e beneficia a comunidade envolvida no projeto.
Abstract: The ceramic industry sector is considered polluter because of the use of wood as fuel, causing emission of carbon dioxide (CO2) into the environment. This study, focusing on Economic Theory and the Social Carbon Methodology (SCM), was to discuss the negative externalities associated with the ceramic industry sector, as well as exposing the success in reducing them obtained by a company located in the region of Cariri Ceará. Through a case study we analyzed the negative environmental effects of the production generated by this sector, besides presenting the positive results achieved by the company. These were made in the financial area, the sale of carbon credits, and also in the environmental area, owing to carbon emissions that were avoided. There was also improvement in the internal environment of the company, which reutilized residues that facilitate burning in ovens, like remains of tree prunings, powder mill and sugarcane bagasse, resulting in savings in energy consumption. We conclude that the case study, focusing on economic theory and MCS, provides financial incentive for companies to begin using environmentally sound practices, and allows changes in production processes that contribute to reducing the company's cost increases the welfare of employees and benefits the community involved in the project.
Descrição: CARLETI, Erika da Silva. Carbono social como meio de correção das externalidades geradas pela indústria cerâmica: caso de sucesso no Cariri cearense. 2013. 35f. Dissertação (Mestrado Profissional) - Programa de Pós Graduação em Economia, CAEN, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2013.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/9452
Aparece nas coleções:CAEN - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_dissert_escarleti.pdf540,7 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.