Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/9537
Title in Portuguese: Determinantes da decisão de certificação internacional em pequenas e médias empresas no Brasil
Author: Feitosa, Anny Kariny
Advisor(s): Corrêa, Márcio Veras
Keywords: Normas ISO
Pequenas e médias empresas
Issue Date: 2014
Citation: FEITOSA, Anny Kariny. Determinantes da decisão de certificação internacional em pequenas e médias empresas no Brasil. 2014. 44f. Dissertação (Mestrado Profissional) - Programa de Pós Graduação em Economia, CAEN, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza-CE, 2014.
Abstract in Portuguese: Atualmente, as certificações de produto e processo, relacionadas à qualidade, gestão ambiental e social, tornaram-se requisitos mínimos indispensáveis para que as empresas possam ter aumento da eficiência empresarial, bem como acesso ao mercado internacional. Neste sentido, a presente dissertação tem como objetivo identificar os fatores impactantes na decisão de certificação (Normas ISO) de pequenas e médias empresas brasileiras. A análise foi conduzida com base em uma amostra de 1.553 firmas de pequeno e médio porte pesquisadas pelo Enterprise Surveys do Banco Mundial, durante o período de maio de 2008 a junho de 2009 no Brasil. Para tanto, estimou-se um modelo econométrico do tipo probit. Como resultados, tem-se que a variável experiência do gestor não possui significância estatística para o presente estudo, considerando a amostra de empresas da pesquisa; a probabilidade das firmas buscarem uma certificação internacional aumenta quando relacionada ao tamanho da firma, à ocorrência de auditoria externa, à existência de site próprio, ao uso de tecnologia estrangeira, ao treinamento de funcionários e se a empresa recorreu à licença de importação, e, diminui com a localização da firma. Com base no efeito marginal, as variáveis que mais influenciam o aumento da probabilidade de certificação das pequenas e médias empresas brasileiras, para a amostra em estudo, são: treinamento (11,47%), site próprio (11,22%), auditoria externa (7,85%) e licença de importação (7,40%).
Abstract: Currently, certification of product and process related to quality, environmental and social management, have become indispensable minimum requirements for companies likely to increase business efficiency, and access to international markets. In this sense, this thesis aims to identify the factors impacting on the decision of certification (ISO Standards) of small and medium-sized Brazilian companies. The analysis was conducted based on a sample of 1,553 firms small and midsize surveyed Enterprise Surveys by the World Bank, during the period from May 2008 to June 2009 in Brazil. To do so, we estimated a probit econometric model type. As a result, we have that the variable experience of the manager has no significance for the present study, considering the sample of companies in the survey; the likelihood of firms seeking an international certification increases when related to firm size, the occurrence of external audit, the existence of own website, the use of foreign technology, the training of employees and the company appealed to the import license and, decreases with the location of the firm. Based on the marginal effect, the variables that most influence the increased likelihood of certification of Brazilian small and medium enterprises in the sample under study, are: training (11.47%), own website (11.22%), audit external (7.85%) and import license (7.40%).
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/9537
Appears in Collections:CAEN - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2014_dissert_akfeitosa.pdf830,08 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.