Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/979
Título: Análise multitemporal da dinâmica do usos e ocupação do baixo curso do rio de Apodi - Mossoró (1989-2009)
Título em inglês: Multisecular analysis of the dynamics of the use and occupation of the low course of river Apodi-mossoró-rn(1989-2009)
Autor(es): Rocha, Alexsandra
Orientador(es): Sales, Marta
Palavras-chave: Geografia
Dinâmica do uso e ocupação
Abordagem sistêmica
Baixo curso do rio Apodi-Mossoró
Data do documento: 2011
Citação: ROCHA, A.B. 2011
Resumo: Através da análise geoambiental este trabalho esta voltado para o estudo da bacia hidrográficacomo categoria de análise geográfica. A bacia hidrográfica do rio Apodi-Mossoró representa27% do território do estado do Rio Grande do Norte, cobrindo uma área total 14.271 km², tendo como recorte espacial para este estudo o baixo curso do referido rio cobrindo 973 Km2 . No tocante a geodiversidade trata-se de uma área caracterizada pela presença de uma chapada, de tabuleiros costeiros, de planície flúvio-marinha, de faixa costeira com praias, falésias e dunas. Neste contexto, este trabalho teve como objetivo realizar a análise do quadro ambiental, considerando a dinâmica do uso e ocupação, através de estudo multitemporal de 1989 a 2009, fundamentalmente, identificando e espacializando as unidades geoambientais, as pressões de uso, utilizando o sensoriamento remoto, o sistema de informação geográfica para manipulação e cruzamento de informações, pesquisa qualitativa-quantitativa, obtendo como resultado final um conjunto de sete mapas. O resultado também indicou em hectares a porcentagem das atividades econômicas em 1989 sendo: 16,4% de cultura cíclica, 19,2% de cultura perene, 0,04% de áreas petrolífera, 64,4% salinas (artesanais e industriais), já em 2009 a cultura perene representou 32,7%, as atividades petrolíferas 33,4% e as salinas (artesanais e industriais) 34% e a carcinicultura 2%. Observando–se, portanto um crescimento de 126% para culturas perenes, 1.847% da atividade petrolífera e 28,50% para as salinas. Entende-se que as diferentes formas de uso altera a dinâmica ambiental da área de estudo, contribuindo na intensificação dos processos fluviais, na deposição de sedimentos, no assoreamento, na erosão, na destruição da mata ciliar e do ecossistema manguezal. As alterações no baixo curso do rio Apodi-Mossoró correspondem a modificações muito significativas na morfologia original e na dinâmica dos processos geomorfológicos, na taxa de descarga fluvial média anual e na taxa de transporte de sedimentos. Esses fatos associados aos ambientes de ocupação inadequada promovem o surgimento de áreas com elevado comprometimento da qualidade ambiental.
Abstract: Through a geoenvironmental analysis, this work is related to the study of a hidrographic basin as a geographical analysis category. The hydrographic basin of the Apodi-Mossoró river represents 27% of the territory of the state of Rio Grande do Norte, covering a total area of 14.271 km2, having a spatial cutting for this study, the lower course of the mentioned river, which covers 973 km2. Regarding the geodiversity, it is characterized as an area with a presence of a plateau, coastal tablelands, fluviomarine plain, of coastal band with beaches, cliffs and dunes. In this context, the work had the objective to do an analysis of the environmental framework considering the dynamics of the use and occupation, through a study of a multitemporal scale from 1989 to 2009, basically identifying and putting on a spatial scale the geoenvironmental units, the pressure of use, using remote sensoring, the geographical information system for the handling and information crossing, qualitative quantitative research, obtaining as a final result a set of seven maps. The result also indicated, in hectares, a percentage of economic activities in 1989 as: 16,4% of cyclical cultures, 19,2% of perennial culture, 0,04% of petroliferous areas, 64,4 % of salt-mines (craft and industrial). In 2009, the perennial cultures represented 32,7% , the petroliferous activities 33,4%, saltmines 34% (craft and industrial) and the breeding of crabs and other crustaceous 2%. Therefore, it was observed a growth of 126% for perennial cultures, 1.847% for petroliferous activities and 28,50% for alt-mine activities. We can understand that the different forms of use alters the environmental dynamics of the studied area, contributing to the intensification of fluvial processes, to the deposition of sediments, to the silting up process, to the erosion, to the destruction of cilliary woods and to the ecosystem´s mangal. The changes in the low course of Apodi-Mossoró river, correspond to the very significant modifications of the original morphology and in the dynamics of geomorphological processes, in the rate of average annual fluvial discharge and in the rate of transportation of the sediments. Those facts, associated with the environments of inadequate occupation foster the emergence of areas with high exposure of environmental quality.
Descrição: ROCHA, A. B. Análise multitemporal da dinâmica do usos e ocupação do baixo curso do rio de Apodi - Mossoró (1989-2009). 2011. 113 f. Dissertação (Mestrado em Geografia) – Centro de Ciências,Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2011.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/979
Aparece nas coleções:DGR - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_dis_abrocha.pdf13,72 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.