Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16802
Título: O sistema da transitividade de Halliday: aplicação a "I spy", de Graham Green
Autor(es): GERMANO, Maria do Socorro Pires
Palavras-chave: Halliday
Transitividade
Processo
Participante
Papel
Personagem
Data do documento: 1997
Editor: Revista de Letras
Citação: GERMANO, M. S. P. (1997)
Resumo: A teoria da transitividade de M. A. K. Halliday, aplicada ao conto ‘I Spy’- ‘Espia’ de Graham Greene, sugere que os processos (verbos) da narrativa podem enfatizar o papel dos participantes como personagens da ficção.
Abstract: M. A. K. Halliday’s theory of transitivity, applied to Graham Greene’s short story ‘I Spy’- ‘Espia’ suggests that the processes (verbs) found in the narrative may emphasize the roles of participants as characters in fiction.
Descrição: GERMANO, Maria do Socorro Pires. O sistema da transitividade de Halliday: aplicação a "I spy", de Graham Green. Rev. de Letras, Fortaleza, v. 19, n. 1/2, p. 68-73, jan./dez. 1997.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/16802
ISSN: 0101-8051
Aparece nas coleções:DLV - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
1997_art_mspgermano.pdf88,44 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.