Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17393
Título: A escada
Autor(es): SABOYA, Natércia Campos de
Palavras-chave: Poesia
Narração
Literatura brasileira
Data do documento: 1988
Editor: Revista de Letras
Citação: SABOYA, N. C. (1988)
Resumo: Acordara no meio da noite, angustiada, com o corpo ainda sacudido pelas emoções, lembrando-se do que sonhara: "subia lentamente uma longa escada, pressentindo que alguém a seguia. Os passos eram leves, medidos, cuidadosos, porém ela os ouvia com nitidez. Sentia calor à medida que se aproximava do topo da escada, por onde, afirmavam, os raios de sol atravessavam a clarabóia. Sabia que, ao atingir aquela luz, os passos a alcançariam, pondo fim ao pesadelo" . Essa luz era-lhe indefinida. Tinha a percepção pelas descrições ouvidas. Podia senti-la e, mesmo assim, tudo era tão difuso! Nas manhãs de sol, passeando fora de casa, a sensação de luz, para ela, era o calor. Ao passar as mãos nos cabelos estavam quentes como também sua pele. Sempre achara que a luz transmitia, de chofre, modorra e suor, assim como o fogo . O seu mundo era bem mais tépido desde que nascera. Ao começar a falar, pedia que lhe descrevessem como era a claridade e nunca lhe conseguiram definir as nuanças e a intensidade da luz. A luminosidade do luar fora-lhe mais fácil entender, pois diziam que a lua brilhava, friamente, na escuridão. Já com o sol, havia sido mais difícil, pois brilhava em plena claridade com seus raios estendendo-se em feixes, que reverberavam...
Descrição: SABOYA, Natércia Campos de. A escada. Revista de Letras, Fortaleza, v. 13, n. 1/2, p. 183-186, jan./dez. 1988.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/17393
ISSN: 0101-8051
Aparece nas coleções:DLV - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
1988_art_ncsaboya.pdf539,29 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.