Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18034
Título: Estudo da qualdiade microbiológica, química, físico-química e sensorial de cenoura (Daucus carot, L.) submetida à tecnologia Sous vide produzida em escala industrial
Título em inglês: Study of quality microbiological, phisical-chemical, chemical and sensory carrot (Daucus carot .L) submitted to sous vide produced industially technology.
Autor(es): Oliveira, Ticiane Coelho Abreu de
Orientador(es): Figueiredo , Evânia Altina Teixeira de
Palavras-chave: Engenharia de alimentos
Sous vide
Cenoura - Análise
Tratamento térmico
Resfriamento
Armazenamento refrigerado
Sous vide
Carrot
Heat treatment
Cooling
Refrigerated storage
Alimentos - Armazenamento - Resfriamento
Acondicionamento e conservação de alimentos
Data do documento: 2012
Citação: OLIVEIRA, T. C. A. (2012)
Abstract: The carrot is a crop rich in carotenoids, pro-vitamin A, minerals and carbohydrates, and is a food with high nutritional value. Brazil is among the five largest producers and consumers of carrot (Daucus carot L .) in the world, concentrating its production in the Southeast. In search of products more attractive, practical, nutritious and healt hy, the consumer's sous vide technology is an alternative technology for the industry in providing food ready for consumption. The sous vide consists in cooking food packaged in plastic vacuum -sealed, subjected to temperatures lower than 100°C for extended periods of time, chilled quickly and stored under refrigeration. The aim of this study was to evaluate the quality and shelf life of carrots ( Daucus carot L.) diced submitted to sous vide technology, produced on an industrial scale. The samples were subje cted to physical and chemical analysis and chemical, microbiological and with three replications, with five repetitions of the products, and soon after processing by 2, 4, 6 and 8 weeks of storage (3°C). Sensory analysis was carried out on days 0 and 4 weeks, with a repeat. The results indicated a significant difference of 5% (p ≤0.05) in carbohydrate, protein, ash, titratable acidity and chromaticity between the carrot fresh carrot and processed by sous vide technology at time 0. In times of 2, 4, 6 and 8 weeks of storage at 3°C difference was significant (p ≤ 0.05) only for protein and total acidity. In sensory analysis, no significant difference (p ≤ 0.05) in any of the attributes studied. It was also observed that the technology sous vide was effective in eliminating vegetative cells of micro-organisms pathogenic and spoilage, yet not been able to eliminate spores. The carrot processed by sous vide technology retains its nutritional characteristics, sensory, chemical and microbiologically stable for up to eight weeks of storage at 3ºC.
Resumo em espanhol: A cenoura é uma olerícola rica em carotenóides, pró-vitamina A, minerais e carboidratos, constituindo um alimento com alto valor nutritivo. O Brasil está entre os cinco maiores produtores e consumidores de cenoura (Daucus carot L.) do mundo, concentrando sua produção na região sudeste. Na busca de produtos mais atrativos, práticos, nutritivos e saudáveis pelo consumidor, a tecnologia sous vide surge como uma alternativa tecnológica para a indústria no fornecimento de pratos prontos para consumo. O sous vide consiste em cozinhar alimentos acondicionados em embalagens plásticas seladas à vácuo, submetidos a temperaturas inferiores à 100°C por longos períodos de tempo, resfriados rapidamente e armazenados sob refrigeração. O objetivo desse trabalho foi avaliar a qualidade e a vida de prateleira de cenouras (Daucus carot L.) cortadas em cubos submetida a tecnologia sous vide, produzida em escala industrial. As amostras foram submetidas as análises físico-químicas e químicas, com três repetições e microbiológicas, com cinco repetições, dos produtos, logo após o tecnologia e por 2, 4, 6 e 8 semanas de armazenamento refrigerado (3ºC). A análise sensorial foi realizada nos tempos de 0 e 4 semanas, com uma repetição. Os resultados indicaram que houve diferença significativa de 5% (p≤0,05) nos carboidratos, proteínas, cinzas, acidez total titulável e na cromaticidade entre a cenoura in natura e a cenoura processada por tecnologia sous vide no tempo 0. Nos tempos de 2, 4, 6 e 8 semanas de armazenamento a 3ºC houve diferença significativa (p≤0,05) apenas nas proteínas e acidez total titulável. Na análise sensorial, não houve diferença significativa (p≤0,05) em nenhum dos atributos estudado. Observou-se também que a tecnologia sous vide foi eficiente na eliminação de células vegetativas de micro-organismos deteriorantes e patogênicos, porém não foi capaz de eliminar esporos. A cenoura processada por tecnologia sous vide conservou suas características nutricionais, sensoriais, químicas e manteve-se estável microbiologicamente até oito semanas de armazenamento à 3ºC.
Descrição: OLIVEIRA, Ticiane Coelho Abreu de. Estudo da qualdiade microbiológica, química, físico-química e sensorial de cenoura (Daucus carot, L.) submetida à tecnologia Sous vide produzida em escala industrial. 2012. 98 f. : Dissertação (mestrado) - Universidade Federal do Ceará, Centro de Ciências Agrárias, Departamento de Tecnologia de Alimentos, Fortaleza-CE, 2012
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/18034
Aparece nas coleções:DTA - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2012_dis_tcaoliveira.pdf723,92 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.