Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21926
Título: Cena-Self: o discurso de si na criação teatral da escola
Título em inglês: Scene-Self: the speech of self in the theatrical creation of the school
Autor(es): Pereira, Maria Josélia de Sousa
Orientador(es): Vásquez, Héctor André Briones
Palavras-chave: Teatro na educação
Teatro e memória
Atividades Artísticas
Autobiography
Speech
Data do documento: 2016
Citação: Pereira, M. J. S.; Vásquez, H. A. B. (2016)
Resumo: O Projeto Self consiste no desenvolvimento de uma prática de criação teatral na escola a partir dos materiais autobiográficos e dos “discursos de si” trazidos pelos alunos. O projeto foi realizado na Escola Estadual de Educação Profissional Professor César Campelo, contando com a participação de alunos de 2ª e 3ª série dessa instituição. O processo criativo desenvolvido resultou na instalação performática self, apresentada no espaço da escola, partindo da investigação de uma linha de criação mais performativa, intercruzando as linguagens do teatro e da performance. Com base em jogos, laboratórios, construção de cenas e entrevistas, os alunos foram estimulados a pensar, através do espaço das “autobiografias”, a respeito de quais tipos de percepções cada um tinha sobre si mesmo e sobre a construção da própria história, o que extraía de suas experiências e como se dava esse processo de relação entre vida e arte, de modo a traduzir suas experiências/discursos para a cena. Esta pesquisa, portanto, surge da necessidade do movimento da invenção e reinvenção dos discursos do sujeito, no que se refere às formas de coerção e normatização sociais, e como estes podem ser problematizados, segundo os aspectos sensíveis, pelo espaço cênico. A instituição “escola”, lugar de desenvolvimento desta investigação, é questionada no sentido de que muitas vezes detém o poder de agir de forma direta sobre a conduta dos indivíduos, limitando, em muitos casos, os momentos de subjetividade em prol de uma visão tecnicista do ensino. Esta investigação busca instigar uma reformulação das ideias pré-formatadas sobre quem é o sujeito, partindo de lugares pouco acessados ou valorizados, relacionados às formas e aos exercícios de suas singularidades. A partir do terreno fértil das histórias de vida e das experiências vivenciais e sensitivas de si, o aluno teve possibilidades de criação de outros discursos e novas percepções da vida e da arte, tendo o teatro como um espaço que estimulou essas reflexões subjetivas e estéticas.
Abstract: The Self Project is to develop a practice of theatrical creation in school from autobiographies materials and “speeches himself” brought by the students. The project was carried out in the State School of Vocational Teacher César Campelo, with the participation of 2nd and 3rd year students of this institution. The creative process developed resulted in the performative installation Self, presented in the school space, building on the research of a line of more performative creation interbreeding languages of theater and performance. From games, laboratories, construction of scenes and interviews the students were encouraged to think through the space of the “autobiographies”, what kinds of perceptions each student had about himself and about the construction of history itself, which draw from their experiences and how was this process relationship between life and art, to translate their experiences / speeches to the scene. This research, therefore, arises from the need of the movement of invention and reinvention of the subject of discourse, as regards the forms of coercion and social regulation, and how these can be problematized, from sensitive aspects, the scenic area. The institution school, project development place is questioned in the sense that often have the power to act directly on the conduct of individuals, limited in many cases, the moments of subjectivity in favor of a technical view of teaching. This research seeks to instigate a reformulation of the preformatted ideas about who is the subject, starting from little places accessed or recovered related to the forms and exercises of their singularities. From the fertile ground of life stories, the experiential and sensory experiences of you, the student has been able to create other discourses and new perceptions of life and art with the theater as a space that stimulated these subjective and aesthetic considerations.
Descrição: PEREIRA, Maria Josélia de Sousa. Cena-Self: o discurso de si na criação teatral da escola. 2016. 141f. – Dissertação (Mestrado) – Universidade Federal do Ceará, Programa de Pós-Graduação em Artes (PROFARTES), Fortaleza (CE), 2016.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/21926
Aparece nas coleções:PROFARTES - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2016_dis_mjspereira.pdf3,1 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.