Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3069
Título: Vejo um museu de grandes novidades, o tempo não para ... sociopoetizando o museu e musealizando a vida.
Título em inglês: see a museum of great news, not the time to ... sociopoetizando the museum and musealizando life
Autor(es): Albuquerque, Elane Carneiro
Orientador(es): Petit, Sandra Haydée
Palavras-chave: Conceitos de museus
Sociopoética
Quilombo
Museum’s conceptions
Sociopoética
Museus - Aspectos educacionais - Curiaú(Macapá,AP)
Educação popular - Curiaú(Macapá,AP)
Museologia
Quilombos - Curiaú (Macapá,AP) - História
Negros - Curiaú (Macapá,AP) - Identidade racial
Negros - Curiaú (Macapá,AP) - Condições sociais
Negros - Curiaú (Macapá,AP) - Usos e costumes
Data do documento: 2008
Editor: http://www.teses.ufc.br
Citação: ALBUQUERQUE, E. C. ; PETIT, S. H. (2008)
Resumo: Esse trabalho consta da análise do processo investigativo que teve como proposta estudar a relação entre museu e população na perspectiva da Educação Popular e da Nova Museologia, através da descoberta de conceitos que a comunidade produz sobre o que seja museu. Para tanto, optou-se pelo método de pesquisa coletiva Sociopoético, que possibilita a produção de conceitos acerca de um tema gerador, mediante linguagens corporais e simbólicas desenvolvidas por meio de oficinas, com a participação do grupo pesquisador formado de facilitadores/as, ou seja, de pesquisadores/as oficiais e de pessoas da comunidade. O estudo foi realizado na Comunidade Remanescente de Quilombo da Área de Proteção Ambiental – APA do Curiaú, município de Macapá no Estado do Amapá, durante o período de 2005 a 2008. Parte-se da problemática em torno da invisibilidade e situação de negação das heranças culturais africanas que a população negra e, mais especificamente, as comunidades quilombolas vivenciam por parte da sociedade e das instituições culturais no Brasil. A pesquisa possibilitou analisar o papel das instituições museológicas no reconhecimento e na preservação do patrimônio cultural brasileiro por meio do diálogo entre os conceitos instituídos e os conceitos produzidos pela comunidade quilombola sobre museu, revelando a potencialidade do quilombo como espaço museológico a ser considerado pela Educação e pela Museologia. O estudo aponta a vigência de uma ação museológica e pedagógica eivada de construções ideológicas etnocêntricas e elitistas, sem considerar a participação e a história dos grupos populares, assim como as referências africanas existentes na produção sócio-cultural e econômica brasileira. Por outro lado, os conceitos produzidos pelo grupo-pesquisador revelam a percepção de museu a partir do ser quilombola e do cotidiano na comunidade. Infere algumas possibilidades de contraposições, levando em conta a necessidade de uma revisão na ação educativa dos museus tendo em vista combater as desigualdades sociais e raciais
Abstract: This label has an analysis of an investigative process that has the purpose to study the relation between the museum and the population in an Popular Education perspective and the new museum, through a discover of some conceptions that the community do about the word museum. For this, it was optioned to an optional collective ‘Sociopoetico’ research, that gives the possibility the production about a generation theme, in concerning with body and symbol languages developed by workshops, with a research group participation formed by facilitators, in other words, official researchers of the community. The research was made by Comunidade Remanescente de Quilombo da Área de Proteção Ambiental – APA from Curiaú, a city situated in Macapá in Amapá State from 2005 to 2008. It comes from the study around the invisibility and situations about the heritage African cultures denies that the black population, in specify, quilombola communities live by the Brazilian cultural institutions society. The research gave the possibility to analyze the museum institutions work in the recognizing and preservation of the Brazilian cultural patrimony beyond a dialog between institute conceptions made by the quilombola community about museum, coming true the quilombo’s potency as a museum space to be considered by the Education an Museum. The study points the viewless of a museum and pedagogy action full of ideal and ethnocentric constructions without considering the participation and the history of popular groups, as well as African references in social and cultural production and Brazilian economy. In the other hand, the concepts produced by the research group show the perception of the museum in order to quilombola and the community daily. It also has some contrapositions possibilities, considering the necessity of a review in the educative action intending to combat social and racial inequality
Descrição: ALBUQUERQUE, Elane Carneiro. Vejo um museu de grandes novidades, o tempo não para... sociopoetizando o museu e musealizando a vida. 2008. 159f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação Brasileira, Fortaleza-CE, 2008.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3069
Aparece nas coleções:PPGEB - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2008_Dis_ECAlbuquerque.pdf10,63 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.