Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3077
Título: Um Ensaio Educacional na Casa da Esperança: tentativas de estabilizar o instável no Autismo
Título em inglês: An educational Assay in Casa da Esperança: attempts to stabilize the unstable one in autism
Autor(es): LIMA NETO, Felipe Franklin de
Orientador(es): LEITÃO, Vanda Magalhães
Palavras-chave: Educação
Autismo
Diferença
Inclusão
Education
Autism
Difference
Including
Jovens autistas - Educação - Fortaleza(CE)
Jovens autistas - Emprego - Fortaleza(CE)
Jovens autistas - Fortaleza(CE) – Atitudes
Autismo na adolescência
Jovens autistas - Reabilitação - Fortaleza(CE)
Data do documento: 2006
Editor: http://www.teses.ufc.br
Citação: LIMA NETO, F. F. ; LEITÃO, V. M. (2006)
Resumo: Este trabalho recorta a temática do autismo através dos conceitos de Diferença em Gilles Deleuze, de Relações saber-poder, Genealogia, Disciplina e Normalização em Michel Foucault e de Imitação e Invenção presentes na obra de Gabriel Tarde. Problematiza-se o processo de subjetivação de 8 alunos estagiários da Casa da Esperança. Essa instituição, sediada na cidade de Fortaleza (Ce), é considerada referência internacional na abordagem clínica e educacional de autistas.A hipótese central que norteia nossa investigação é a de que a subjetividade desses alunos estagiários resulta de múltiplos desdobramentos inscritos nas relações de diagnóstico, de aprendizagem e de inclusão verificadas e analisadas ao longo da pesquisa.Metodologicamente apoiamo-nos nas reflexões do sociólogo e interacionista-simbólico Howard Becker. Em especial, sua visão microssocial acerca do improviso e da versatilidade com a qual um pesquisador deve se valer nas múltiplas situações em que interage com seus sujeitos pesquisados. Sendo uma pesquisa de natureza qualitativa, realizamos levantamentos bibliográficos sobre o tema, entrevistas abertas e semi-diretas e filmagens com os sujeitos pesquisados e com especialistas nacionais e internacionais, observação participante, coleta de relatos informais, relatórios de professores dos alunos estagiários, prontuários, visitas a instituições e escolas da rede pública e privada que lidam com autistas no Ceará, participação em fóruns, seminários e encontros sobre autismo e temas afins, pesquisas na Internet, além de uma consulta sistemática nos meios de comunicação de massa (jornais, revistas de grande circulação e especializadas, filmes e documentários). Nosso trabalho se estrutura em quatro momentos. No primeiro deles, configuramos o autismo enquanto um tema que “surgiu” e se desenvolve sob o signo da controvérsia. Demonstramos ainda que as mutações conceituais do autismo inscritas nos grandes sistemas classificatórios tais como a CID-10 E o DSM-IV possuem ligações com as crenças científicas envolvidas no “surgimento do autismo” e com o desenvolvimento de áreas especializadas tais como a Engenharia Genética e as Neurociências. Através dos conceitos de imitação e invenção em Gabriel Tarde analisamos o que alimenta essas grandes discussões à luz do cotidiano das pessoas anônimas e comuns. Num segundo momento, complementamos nossa instrumentalização conceitual através do conceito de Diferença em Gilles Deleuze e dos conceitos de Relações saber-poder, Genealogia, Disciplina e Normalização em Michel Foucault. Nosso intuito é problematizarmos certas noções que emolduram o autismo como um assunto complicado, difícil, enigmático e normalizado.No terceiro momento, afunilamos a discussão dos dois capítulos anteriores adentrando na nossa específica questão de pesquisa. Neste momento abordamos como opera o conceito educacional de Currículo Funcional Natural criado por Judith LeBlanc diante das reformulações que o comportamentalismo de base skinneriana proposto pela Casa da Esperança nele processou. Analisamos ainda as propostas pedagógicas das oficinas protegidas onde os sujeitos pesquisados eram e/ou foram monitores.No quarto e último momento do trabalho, cartografamos os sujeitos pesquisados a partir do efeito que o poder de normalização (Foucault) produz nas subjetividades dos “alunos especiais da Casa da Esperança”.Nas considerações finais, convergimos a discussão efetuada nos três capítulos evidenciando os efeitos das relações de diagnóstico, de aprendizagem e de inclusão na produção da subjetividade dos “pesquisados” e porque consideramos a Casa da Esperança uma Ilha de Inclusão.
Abstract: This work cuts the thematic one of the autism through the concepts of Difference in Gilles Deleuze, of Relations know-power, Genealogy, Disciplines and Normalization in Michel Foucault and of Imitation and Invention gifts in the workmanship of Gabriel Tarde. Inquiry the process of subjection of eight probationary pupils of the House of the Hope. This institution, headquartered in the city of Fortaleza (Ce), is considered international reference in the clinical and educational boarding of autistas. The central hypothesis that guides our inquiry is of that the subjectivity of these probationary pupils results of multiple enrolled unfoldings in the relations of diagnosis, verified and analyzed learning and inclusion to the long one of the research. Methodological we support ourselves in the reflections of sociologist and interacionist-symbolic Howard Becker. In special, its microsocial vision concerning the improvisation and of the versatility with which a researcher must use itself in the multiple situations where interacts with its searched citizens. Being a research of qualitative nature, we carry through bibliographical surveys on the subject, open and half-direct interviews and filmings with the searched citizens and national and international specialists, participant comment, collection of informal stories, reports of professors of the probationary pupils, handbooks, visits the institutions and schools of the public and private net that they deal with autists in the similar Ceará, participation in forums, seminaries and meeting on autism and subjects, research in the InterNet, beyond a systematic consultation in the medias of mass (periodicals, specialized magazines of great circulation and, films and sets of documents). Our work if structure at four moments. In the first one of them, we configure the autism while a subject that "appeared" and if develops under the sign of the controversy. We still demonstrate that enrolled to the conceptual mutations of the autism in the great classification systems such as the ICD-10 and the DSM-IV possesss linkings with the involved scientific beliefs in the "sprouting of the autism" and with the development of specialized areas such as Genetic Engineering and the Neurosciences. Through the concepts of imitation and invention in Gabriel Tarde we analyze what it feeds these great quarrels to the light of the daily one of the anonymous and common people. At as a moment, we complement our conceptual instrumental through the concept of Difference in Gilles Deleuze and of the concepts of Relations know-power, Genealogy, It disciplines and Normalization in Michel Foucault. Our intention is to probably certain slight knowledge that frame the autism as a complicated subject, difficult, enigmatic and normalized.- At the third moment, we funnel the quarrel of the two previous chapters addressing in our specific question of research. At this moment we approach as it operates the educational concept of Natural Functional Resume ahead created by Judith LeBlanc of the reformularizations that the Behaviorism of skinnerian basis considered by Casa da Esperança in it processed. We still analyze the pedagogical proposals of the protecting workshops where the searched citizens were and/or had been monitorial. In the room and last moment of the work, we map the citizens searched from the effect that the normalization power (Foucault) produces in the subjectivity of the "pupils special of Casa da Esperança". In the final consideration, we converge the quarrel effected in the three chapters evidencing the effect of the relations of diagnosis, learning and inclusion in "the searched" production of the subjectivity of and because we consider Casa da Esperança an Island of Inclusion.
Descrição: LIMA NETO, Felipe Franklin de. Um ensaio educacional na Casa da Esperança: tentativas de estabilizar o instável no autismo. 2006. 169f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação Brasileira, Fortaleza-CE, 2006.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3077
Aparece nas coleções:PPGEB - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2006_Dis_FFLIMANETO.pdf1,13 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.