Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3223
Título: O jogo africano Mancala e o ensino de Matemática em face da Lei 10.639/03
Título em inglês: The African game Mancala and teaching mathematics in the face of Law 10.639/03
Autor(es): PEREIRA, Rinaldo Pevidor
Orientador(es): CUNHA JÚNIOR, Henrique Antunes
Palavras-chave: Jogos de mancala
Ensino de matemática
Ensino de História e Cultura Afro-brasileira
Games of mancala
Teaching of mathematics
Teaching of History and Afro-Brazilian Culture
Oware - Jogo
Jogos de tabuleiro - Espírito Santo-Estado
Jogos no ensino de matemática - Espírito Santo - Estado
Jogos no ensino de história - Espírito Santo-Estado
Cultura afro-brasileira - Estudo e ensino - Espírito Santo - Estado
Brasil.
Lei Nº10.639 - Janeiro de 2003
Data do documento: 2011
Editor: www.teses.ufc.br
Citação: PEREIRA, R. P.; CUNHA JÚNIOR, H. A. (2011)
Resumo: Este trabalho de pesquisa trata do ensino de matemática e a implantação da Lei 10.639/03 nesse campo do conhecimento. Para tanto, estudamos a possibilidade de utilizar o jogo de tabuleiro africano Awalé da família do Mancala como recurso metodológico de ensino e aprendizagem matemática, associado ao ensino de história, cultura africana e afro-brasileira. Trata-se de uma pesquisa intervenção, de abordagem qualitativa, com entrevistas semiestruturadas e ações pedagógicas em sala de aula. O Mancala é um jogo matemático com base lógica, milenar na África, cuja estrutura de movimentos de captura e defesa das peças está pautada em conceitos matemáticos, práticas culturais e filosóficas africanas. Os sujeitos da pesquisa foram os alunos da Escola Municipal de Ensino Fundamental, Heloísa Abreu Júdice de Mattos e Manoel Mello Sobrinho, das prefeituras municipais de Vitória e Cariacica no Espírito Santo, na qual eu atuei como professor de matemática. A motivação para a pesquisa se deu pela necessidade de melhorar o desempenho dos meus alunos em matemática e para cumprir a determinação da Lei 10.639/03. Neste sentido, realizamos a intervenção mediante um conjunto de práticas pedagógicas com o jogo em sala de aula onde concluímos na pesquisa que a prática do jogo promoveu aulas interativas e contribuiu para a mudança de postura do professor em sala de aula em relação ao reaprender e aprender a ensinar matemática. Contribuiu também para a construção de conhecimentos no campo do ensino de matemática, história e cultura afro-brasileira. Promoveu ainda motivação para a aprendizagem matemática e o aumento da autoestima do aluno em relação ao negro, ao ser negro e a nossa cultura. Consideramos ainda que este trabalho pode contribuir para a formação de professores em Africanidades matemáticas, tendo em vista a dificuldade que esse campo de conhecimento tem apresentado para a implantação da Lei 10.639/03 devido à concepção universalista da linguagem matemática, que sendo assim, estaria de fora do ensino de história e cultura afro-brasileira.
Abstract: This research deals with the teaching of mathematics and the implantation of the law 10.639/03 in this field of knowledge. So, we study the possibility to use the African tray game named Awalé of the family of the Mancala as a metodological resource of mathematical teaching and learning, associated to the teaching of history, African and afro-Brazilian cultures. This is an intervention research, a qualitative approach, with semistructuralized interviews and pedagogical actions in classroom. Mancala is a mathematical game with logical, millenarian base in Africa, whose structure of movements of capture and defense of its parts is deeply rooted in mathematical concepts, cultural and philosophical African practices. The subjects of the research are the pupils of the Municipal School of Basic Education, Heloísa Abreu Júdice de Matos and Manoel Mello Nephew, from the cities of Vitória and Cariacica in Espirito Santo, where I work as a mathematics teacher. The motivation for the research was given for the necessity to improve the performance of my pupils in mathematics and to fulfill the determination of the law 10.639/03. In this direction, we carried out the intervention by means of a set of pedagogical practices with the game in classroom where we conclude in the research that the practice of the game promoted interactive lessons and contributed for the change of position of the teacher in classroom in a perspective of learning and relearning how to teach math. It also contributed for the construction of knowledge in the field of the teaching of mathematics, history and Afro-Brazilian culture. It still promoted motivation for the mathematical learning and the increase of self-esteem among the pupils in relation to the black, the black being and our culture. We consider that this work can contribute for the formation of teachers in mathematical Africanesses, considering the difficulty that this field of knowledge has presented for the implantation of Law 10.639/03 due to a universalist conception of the mathematical language, that being thus, would be out of the teaching of history and Afro- Brazilian culture.
Descrição: PEREIRA, Rinaldo Pevidor. O jogo africano mancala e o ensino de matemática em face da Lei 10.639/03. 2011. 156f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Ceará, Faculdade de Educação, Programa de Pós-Graduação em Educação Brasileira, Fortaleza-CE, 2011.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/3223
Aparece nas coleções:PPGEB - Dissertações defendidas na UFC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2011_Dis_RPPEREIRA.pdf3,46 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.