Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/55849
Title in Portuguese: As múltiplas linguagens das crianças e a pedagogia em um centro de educação infantil: uma negociação visível por meio da documentação pedagógica
Author: Aquino, Pedro Neto Oliveira de
Advisor(s): Cruz, Silvia Helena Vieira
Keywords: Pedagogia
Múltiplas linguagens
Documentação pedagógica
Pré- escola
Crianças pequenas
Issue Date: 2020
Citation: AQUINO, Pedro Neto Oliveira de. As múltiplas linguagens das crianças e a pedagogia em um centro de educação infantil: uma negociação visível por meio da documentação pedagógica. 2020. 412 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Programa de Pós-graduação em Educação Brasileira, Faculdade de Educação, Universidade Federal do Ceará, Fortaleza, 2020.
Abstract in Portuguese: As linguagens são meios pelos quais as crianças se aventuram para conhecer, representar, expressar, comunicar e interpretar o mundo e a si mesmas; mediante essas expressões, elas interagem com os objetos e fenômenos que as circundam e constroem identidade. Contudo, em alguns contextos de educação infantil, especialmente de pré-escola, o que se identifica é uma complexa cultura de desconhecimento e de invisibilidade seletiva das múltiplas linguagens das crianças. Frente à essa cultura, a presente pesquisa teve como objetivo analisar as manifestações de múltiplas linguagens expressas por crianças de pré-escola e suas relações com a Pedagogia em curso nesse contexto. A herança teórica assumida consistiu na Teoria Histórico-Cultural, na Teoria da Narratividade e na Teoria das Cem Linguagens, como também na Pedagogia da Relação e da Escuta e na Pedagogia da Educação Infantil; interagindo, assim, com conhecimentos sobre o desenvolvimento e a apropriação das linguagens na infância e como as escolas de educação infantil podem promover práticas para a sua promoção e documentação. O lócus da pesquisa foi um Centro de Educação Infantil público da cidade de Fortaleza - CE e participaram dela duas turmas de crianças de quatro a cinco anos e suas respectivas professoras. O trabalho de campo foi orientado pela abordagem sócio-histórica e teve como referência a estratégia da documentação pedagógica, empregando as práticas de observação e registro como procedimentos de construção de dados e inspirando-se na progettazione para formulação de um procedimento de interpretação destes, os encontros de ressignificação. A documentação pedagógica, como um dos eixos da pesquisa, contribuiu para o envolvimento das professoras, pois articulava os objetivos do pesquisador aos seus interesses e demandas, configurando-se como um espaço de negociações. Interpretar os registros de suas próprias práticas, nos encontros de ressignificação, fez com que as professoras visualizassem o poder da documentação em colocar em discussão dimensões que lhes diziam respeito, convertendo em objeto de reflexão o trabalho que elas desenvolviam e suas repercussões para as experiências e criações das crianças. A investigação partiu da hipótese de que as linguagens das crianças, em suas múltiplas expressões, mesmo não sendo privilegiadas, faziam-se presentes no cotidiano da pré-escola. No contexto investigado, as linguagens das crianças, em suas múltiplas expressões (verbais, corporais, brincadeiras, jogos, construções etc.), eram manifestadas nas interações entre as crianças, entre elas e as professoras e entre elas e os espaços e materiais da escola, em uma dinâmica retroativa. A partir dessa percepção, os procedimentos de observação e registro, que, inicialmente, miravam as manifestações de linguagens infantis, passaram também a se voltar para as manifestações de linguagem das professoras. Com isso, os registros produzidos, além de capturarem as expressões das docentes, também contribuíram para se compreender a recursividade destas entre as manifestações de linguagem das crianças, em relação com o contexto educativo. A emergência das linguagens infantis expressas nesse contexto pareciam fortemente influenciadas pela prática pedagógica desenvolvida (ateliê, calendário, contação de história, desenho etc.), o que parecia decorrer da percepção que as professoras tinham dessas expressões como constituintes das experiências das crianças na escola. As linguagens infantis estavam, assim, em relação com a Pedagogia em curso no contexto investigado, negociando significados que implicavam nas experiências das crianças, inclusive, no processo de construção da identidade.
Abstract: Languages are the means by which children venture to get to know, represent, express, communicate and interpret the world and themselves; through these ways of expressions, they interact with the objects and phenomena that surround them and build their identity. However, in some early childhood education contexts, especially pre-school, which is identified is a profound culture of ignorance and selective invisibility of the multiple languages of children. In virtue of this culture, this research aimed to analyze the manifestations of multiple languages expressed by preschool children and their relationship with the pedagogical practices underway in this context. The theoretical basis consisted of the Cultural-Historical Theory, the Theory of The Narrative Construction of Reality and the Theory of the Hundred Languages, as well as the Pedagogy of Listening and the Pedagogy in Early Childhood Education; thus interacting with knowledge about the development and appropriation of languages during childhood and how early childhood schools can promote practices for their encouragement and documentation. The place of research was a public Early Childhood Education Center in the city of Fortaleza, in Ceará, and two classes of children from ages four to five and their respective teachers participated in it. The fieldwork was guided by the socio-historical approach and was based on the pedagogical documentation strategy, using observation and documenting practices as data construction procedures and taking inspiration from the progettazione for formulation of a procedure for interpreting these, the reframing meetings. The pedagogical documentation as one of the research main axes, contributed to the teachers' involvement, since it articulated the researcher's objectives to the teachers’ interests and demands, configuring themselves as a space for negotiations. Interpreting the records of their own practices, in the reframing meetings, allowed the teachers to visualize the power of the documentation to put into discussion dimensions that related to them, creating reflections about the practices they developed and its repercussions for the children's experiences and creations. The investigation started from the hypothesis that children's languages, in their multiple expressions, even when not valued or highlighted, were present in the daily life of preschoolers. In the investigated context, children's languages, in their multiple expressions (verbal, body, games, constructions, etc.), were manifested in the interactions between children, between children and the teachers and between them and the school spaces and materials , in a retroactive dynamic. Based on this perception, the observation and documentation procedures, which initially targeted the manifestations of children's languages, also began to focus on the teachers' language manifestations. As a result, the data produced, in addition to capturing the teachers' expressions, also contributed to understanding their repetition among the children's language manifestations, in relation to the educational context. The emergence of children's languages expressed in this context seemed strongly influenced by the pedagogical practice developed (art studio, calendar, storytelling, drawing, etc.), which seemed to come from the teachers' perception of these expressions as part of the children's experiences at school.The children's languages were, therefore, related to ppractices in course in the investigated context, being part of the actions that implied in the children's experiences, including, in the process of identity construction.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/55849
metadata.dc.type: Dissertação
Appears in Collections:PPGEB - Dissertações defendidas na UFC

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
2020_dis_pnoaquino.pdf22,27 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.