Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/834
Título: A trilogia indianista de Alencar : identidade e miscigenação
Autor(es): MONIZ, António Manuel de Andrade
Palavras-chave: Alencar, José de, 1829-1877 - Crítica e interpretação
Escritores brasileiros - Séc. XIX
Ficção brasileira
Literatura brasileira - História e crítica
Data do documento: 2009
Editor: Revista de Letras
Citação: MONIZ, A. M. A . (2009)
Resumo: O Guarani (1857), Iracema (1865) e Ubirajara (1874) são romances históricos que constituem a trilogia indianista de José de Alencar, numa unidade reveladora da identidade brasileira, segundo a perspectiva do autor romântico. Por ordem inversa da data da publicação, tais romances focalizam o protagonismo de três fi guras indígenas na trama fundacional da brasilidade: Ubirajara, Iracema e Peri. Mas tal identidade político-cultural está assente no fenómeno da miscigenação. Como Alexandre e Roxana, na fundação do império macedónico; como Eneias e Lavínia, nas origens de Roma; como os casados de Goa, na consolidação do Estado Português da Índia.(...)
Descrição: MONIZ, António Manuel de Andrade. A trilogia indianista de Alencar : identidade e miscigenação. Revista de Letras, Fortaleza,v. 1, n. 29, pt. 2, p. 12-18, 2009.
URI: http://www.repositorio.ufc.br/handle/riufc/834
ISSN: 01018051
Aparece nas coleções:DLV - Artigos publicados em revistas científicas

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
2009_art_AMAMoniz.pdf80,56 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.